LANCE!
02/11/2015
19:22
Belém (PA)

O Remo ficou sem vaga na final da Série D do Campeonato Brasileiro e ainda teve outro motivo para lamentar no último domingo. Após o empate sem gols com o Botafogo-SP, que garantiu o time de Ribeirão Preto na decisão contra o River (PI), houve a confirmação de que a sede do clube foi assaltada. Assalto que garantiu um prejuízo de exatos R$ 423.632,00 ao clube.

Segundo o Boletim de Ocorrência registrado por Marco Antônio, diretor jurídico do Remo, sete homens armados renderam os dois seguranças do clube, arrombaram a sala da diretoria financeira e, depois, o cofre no qual estava o valor. A ação teria durado cerca de 2h e acontecido antes mesmo de o Remo entrar em campo no Mangueirão.

O valor seria utilizado pelo clube para pegar dívidas com a Justiça do Trabalho, além do salário de jogadores e funcionários. A Polícia Militar segue investigando o caso. A suspeita é que os assaltantes sabiam que o valor posteriormente levado estaria no local.

Apesar de ter sido eliminado pelo Botafogo, o Remo encerrou a temporada com motivos para celebrar no campo e bola. O time foi bicampeão paraense, finalista da Copa Verde e semifinalista da Série D, o que garantiu o acesso à Terceirona de 2016. O Leão Azul findará um jejum de sete anos sem disputar a Série C.