Atacante Bruno Mineiro estará à disposição para jogo e estreia na Copa do Brasil (Foto: Dorival Rosa/ Portuguesa)

Bruno Mineiro  esteve em campo. Mas não ajudou a Portuguesa a conseguir um bom resultado no Piauí Foto: Dorival Rosa/ Portuguesa)

RADAR/LANCE
13/04/2016
22:41
Parnaíba (PI)

A Portuguesa não foi feliz na sua partida de estreia na Copa do Brasil. Nesta quarta-feira, o time paulista até saiu na frente, mas levou a virada e foi derrotado no Piauí, pelo Parnahyba, no Estádio Piscinão, em Parnaíba, por 2 a 1.  Caio Cezar fez o gol da Lusa, enquanto Idelvando e Ramon marcaram para os azulinos piauienses.

Com o resultado, a Lusinha terá de vencer o jogo da volta, no Canindé, (com portões fechados) no próximo dia 26, às 21h30min, para seguir na competição. O Parnahyba, clube mais antigo do estado, joga pelo empate (ou derrota por um gol, a partir de 3 a 2) para avançar para terceira fase.

O JOGO

Mal começou o jogo e a Lusa chegou ao primeiro gol com Caio Cezar, aos quatro minutos. O gol fez os paulistas se fecharem e o Parnahyba dominou todo o primeiro tempo, conseguindo o empate aos 30 minutos num chute de Idelvando de fora da área e virando aos 35, quando o volante Ramon ficou com a sobra de um escanteio e quase na pequena área bateu para o gol.

No segundo tempo, o time da casa voltou muito recuado, dando espaços para os atacantes da Portuguesa. Mas os goleiros Fábio (Parnahyba) e Douglas (que entrou no lugar de Luis Carlos no segundo tempo), fizeram boas defesas.

Autor do gol da Lusa, Caio Cezar disse que o resultado foi bom para os paulistas. 

- Perdemos, mas estamos satisfeitos e a diferença foi mínima. Não será fácil inverter a vantagem do Parnahyba, um time com muita vontade, mas temos qualidade também e o jogo agora será no Canindé - disse à Rádio Cidade de Parnaíba.

O treinador Anderson Beraldo, reclamou do péssimo gramado, mas fez questão de elogiar o comportamento do time. 

- O  time se portou bem mesmo com todas as dificuldades, que foram o clima diferente, a viagem desgastante e o campo muito ruim,  que fez o jogo ficar feio. Mas a equipe está viva na competição e jogará em casa e podemos reverter o resultado, mesmo  sem a presença da torcida. - disse o treinador.

No Parnahyba, alegria pelo bom resultado: 

- Não estávamos jogando bem. Mas desta vez a equipe se achou em campo e conseguiu um ótimo resultado. Só faltou o meu gol - disse o atacante Fabiano.