Souza - Madureira

Souza é a novidade do Madureira para a competição (Foto: Divulgação/FERJ)

RADAR / LANCE!
29/01/2016
07:00
Rio de Janeiro (RJ)

Enquanto Botafogo, Flamengo, Fluminense e Vasco fazem seus últimos ajustes antes de suas respectivas estreias no Campeonato Carioca, os clubes de menor investimento trabalham forte para dar o ar da graça na competição.  Entre velhos conhecidos das principais torcidas do Rio de Janeiro, há uma série de novidades nos adversários dos gigantes cariocas.

O LANCE! mostra a partir agora as novidades que pintarão no Campeonato Carioca de 2016. Confira!

GRUPO A - Grupo de Vasco e Fluminense

BANGU

Almir - Bangu
Almir volta a Moça Bonita para liderar o Bangu (Foto: Divulgação)

A competitividade ditará o ritmo do Bangu no Estadual. Contando novamente com a liderança do meia Almir, que retornou após uma breve passagem pelo Flamengo, os banguenses terão uma equipe modesta de nomes. O zagueiro Arthur Sanches, com passagens por Flamengo e Joinville, e o volante Yves, que jogou no Vasco, são outros destaques em meio a um elenco que aposta no comprometimento.

- Estamos desde dezembro trabalhando, para tentar surpreender e mostrar um futebol aguerrido, com muita posse de bola. Com a volta do Almir, temos um jogador de qualidade internacional ao nosso lado e, além disto, ele pode passar sua experiência aos jogadores jovens - declarou o técnico Emanoel Sacramento, ao LANCE!.

Time-base: Célio; Barach, Anderson Penna, Arthur Sanches e Guilherme; Mateus Avelar, Magno, Yves, Júnior (Geovane), Daniel e Almir; Geraldo. Técnico: Emanoel Sacramento

Destaque: Almir

BOAVISTA

Leandrão - Boavista (Foto: Divulgação)
Após passagem no Vasco, Leandrão acertou com o Boavista (Foto: Divulgação)

Sob o comando do ex-jogador Rodrigo Beckham, O Boavista entra em mais um Campeonato Carioca com a missão de se manter na elite do futebol carioca. No meio, o experiente Thiaguinho, ex-Botafogo, é um dos destaques do time. O centroavante Leandrão, emprestado pelo Vasco, é a principal contratação do clube de Bacaxa. A diretoria também trouxe o meia Marquinho Alves, de 33 anos, com passagens por Vasco, Fluminense e Botafogo.

Time-base: Vinícius; Nerylon, Anderson Luís, Vitor e Davi; Douglas Pedroso, Maranhão, Thiaguinho e Guilherme Costa; Matheus Paraná e Leandrão. Técnico: Rodrigo Beckham.

Destaque: Thiaguinho

CABOFRIENSE

Leandro Euzébio - Cabofriense
Leandro Euzébio chega à Cabofriense após passagem turbulenta no Tupi (Foto: Divulgação)

Disposta a se redimir da fraca campanha do ano anterior, a Cabofriense inicia o Campeonato Carioca repleta de caras novas. Até o momento, 21 jogadores foram contratados, e as principais novidades são Leandro Euzébio, zagueiro bicampeão brasileiro com o Fluminense, o lateral-esquerdo Leandro, com passagens por Cruzeiro e Palmeiras, e Andreazzi, cedido pelo Botafogo. Diante de tantas mudanças, o técnico Eduardo Húngaro reconhece que a equipe terá dificuldades no início da competição:

- A equipe está ainda em formação, lidando com uma reformulação após uma temporada ruim. Mas, mostrando a garra na pré-temporada, podemos nos salvar do rebaixamento e, quem sabe, ao menos ficar entre os oito primeiros - afirmou o ex-treinador do Botafogo, ao LANCE!.

Time-base: Andrey; Fabinho Capixaba, Raphael Andrade, Leandro Euzébio e Leandro; Andreazzi, Gilson, Keninha e Carlinhos; Marquinhos do Sul (Abner) e Charles Chad. Técnico: Eduardo Hungaro

Destaque: Leandro Euzébio

MACAÉ

Pipico - Macaé
Pipico segue como trunfo do Macaé (Foto: Tiago Ferreira / Macaé Esporte)

O momento do Macaé é de juntar os cacos após a queda para a Série C do Brasileirão. Visando ganhar novo fôlego, a equipe entra em campo no Campeonato Estadual completamente reformulada: até o momento, 14 jogadores chegaram (dentre eles Yago, meia-atacante cedido pelo Vasco). Porém, o centroavante Pipico, que tem passagens por Vasco e Bangu, segue como trunfo para a "linha de montagem" do Leão.

- Muitos jogadores chegaram na pré-temporada, estamos com dificuldade para montar a equipe. Mas esperamos que estas caras novas ajudem os jogadores remanescentes do ano passado a não sofrerem interferências com as más lembranças do rebaixamento para a Série C - disse Toninho Andrade, ao LANCE!.

Time-base: William Alves; Gedeílson, Thiago Cardoso, Luís Felipe (Kleber Viana) e Ebert; Wagner Carioca, Dos Santos, Marques e Marquinho; Pipico e Jones (Bruno Luís). Técnico:

Destaque: Pipico

PORTUGUESA-RJ

Rafael Paty - Portuguesa da Ilha
Com passagem pelo Remo, Rafael Paty desembarca na Lusinha (Foto: Anderson Silva/Divulgação)

A Portuguesa-RJ taça planos modestos em sua volta ao Campeonato Carioca após dez anos. Comandada por Gaúcho, a equipe da Ilha do Governador conta com o goleiro Elivélton, que teve uma passagem pelo Vasco, e o atacante Rafael Paty como trunfos para garantir que a permanência na elite do Rio de Janeiro não seja rápida.

- Estamos realizando um trabalho muito forte na busca pela permanência da equipe. Lidamos com dificuldades de investimentos, mas vamos lutar para ao menos ficar entre os oito primeiros - afirmou o treinador, que teve passagem no Vasco trabalhando como auxiliar e na beira do gramado, em entrevista ao LANCE!

Time-base: Luciano; Belarmino, Allan Miguel, Pessanha e Diego Maia; Silvano, Alex Carioca, Victor Hugo e Cássio; Allan (Bruno Andrade) e Rafael Paty. Técnico: Gaúcho

Destaque: Rafael Paty

RESENDE

Jorge Baéz - Resende
Baéz é a novidade do Resende para o Carioca (Foto: Divulgação/FERJ)

O Resende não poupou intensidade na busca por uma boa participação no Carioca. Além da pré-temporada realizada em Sorocaba (SP), a equipe trouxe como contratação de impacto o paraguaio Jorge Baéz, vice-campeão da Copa Libertadores de 2013 com o Olimpia, e manteve nomes como Thiago Sales e Douglas Caé, que liderou a equipe na conquista da Copa Rio de 2015.

- Estamos bastante esperançosos. Aprimoramos bem a parte técnica e física na pré-temporada e, com estes reforços, montaremos uma equipe competitiva para tentar ficar entre os oito primeiros - afirmou o técnico Ailton Ferraz, ao LANCE!.

Time-base: Arthur; Muriel, Marcelinho, Tiago Sales e Kim; Leo Silva, Caio e Marcel; Wandinho, Douglas Caé e Robinho. Técnico: Ailton Ferraz

Destaque: Douglas Caé

GRUPO B - Grupo de Botafogo e Flamengo

AMÉRICA

Jean (Foto: Raffa Tamburini/America Rio)
Jean tenta manter o América na elite (Foto: Raffa Tamburini/America Rio)

Depois de quatro anos na Série B, o América está de volta à elite do Campeonato Carioca, sob o comando de Ricardo Cruz. Contando com renomados como o atacante Jean e o zagueiro Fabio Braz, além do argentino Matías Sosa, que tem passagens por seleções de base do seu país, Estudiantes, Nacional, do Uruguai e Sporting Gijón, da Espanha, a equipe não esconde que a luta é para garantir a tradição do Mecão como um clube de elite do Rio de Janeiro.

- Fizemos uma reformulação no elenco em relação ao time que subiu no ano passado e ainda carecemos de algumas contratações. A nossa preparação para este início foi muito boa. Os jogadores estão assimilando bem o trabalho e estamos otimistas em uma boa campanha - disse o técnico Ricardo Cruz.

Time-base: Felipe; Erick, Fábio Braz, Marcão e Marlon; Muniz, Darlan, Accioli e Matías Sosa (PH); Marcelinho e Jean. - Técnico: Ricardo Cruz.

Destaque: Jean

BONSUCESSO

Mario Marques (Foto: Divulgação / Gonçalense)
Mário Marques comanda um 'jovem' Bonsuça (Foto: Divulgação / Gonçalense)

A luta pela permanência na elite do Rio de Janeiro também faz parte da rotina do Bonsucesso. Apostando especialmente em jogadores da base, a equipe do técnico Mario Marques tem a menor média de idade do Campeonato Carioca.

- A gente está tentando aproveitar a chance que nos foi dada para jogar a elite do Campeonato Carioca. Temos uma expectativa bem grande, apesar de a equipe ser bem nova, mas vamos tentar nos sobressair - disse o técnico Mário Marques, ao LANCE!.

Time-base: O LANCE! não obteve a informação.

FRIBURGUENSE

Cadão - Friburguense (Foto: Divulgação)
Cadão, aos 43 anos, segue firme no Friburguense (Foto: Divulgação)

O Friburguense inicia o Campeonato Carioca com um planejamento para lá de modesto, em contraste com os demais clubes de menor investimento. Além de trazer caras novas pouco badaladas (a aposta maior é em Bernardo, que passou pela base do Flamengo), o Frisão deposita suas fichas na mescla de jogadores jovens com nomes como Cadão que, do alto de seus 43 anos, será o mais velho a entrar em campo nesta edição do Estadual.

- A gente não contratou muito, mas montou uma equipe muito aguerrida e apostando na base. Vamos tentar controlar a ansiedade para esquecer os erros de 2015, no Carioca e na Copa Rio - disse o gerente de futebol do clube, José Eduardo Siqueira.


Time-base:  Marcos; Sérgio Gomes, Cadão, Diego Guerra e Flavinho; Pierre, Vitinho, Bernardo Ribeiro e Jorge Luiz; Caíque e Rômulo. Técnico: Gerson Andreotti

Destaque: Cadão

MADUREIRA

Jeferson
Jéferson é um dos renomados do Madura (Foto: Divulgação)

O Madureira é o clube de menor investimento que inicia o Campeonato Carioca com ares de quem pode "aprontar" para os adversários. O retorno do atacante Souza, que teve passagens de destaque por Vasco e Flamengo, e a chegada do meia Jéferson surgem como as referências para o período de reconstrução do clube, que amargou a queda para a Série D do Brasileirão. 

- O Madureira passa por um período de reconstrução, mas uma base foi mantida, e não pode se perder devido à Série D. Nosso elenco está bem aguerrido e vai batalhar na disputa do Carioca - disse o técnico Alfredo Sampaio, ao LANCE!.

Time-base: Raphael; Fellipe Formiga, Daniel, Jorge Fellipe e Ernani; Everton, Ryan, Leandro Chaves e Jéferson; Giovanni Maranhão (Arthur Faria) e Souza. Técnico: Alfredo Sampaio 

Destaque: Souza

TIGRES DO BRASIL

Gabriel Vasconcelos, atacante do Corinthians
Destaque do Corinthians na Copinha, Gabriel Vasconcelos jogará no Tigres no Carioca

O Tigres conta com um aliado forte na sua busca por permanecer na elite do Campeonato Carioca. O clube fez uma parceria com o Corinthians, e receberá reforços do Timão para a competição - o mais recente foi Gabriel Vasconcelos, atacante da equipe finalista da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Sob o comando de Marcelo Cabo, a equipe de Duque de Caixas ainda mescla jogadores da base e oriundos de outros clubes. 

- Esta parceria com o Corinthians foi muito boa. Acabou nos ajudando a montar uma equipe competitiva, de qualidade, que lutará para buscar uma vaga no octogonal - declarou o técnico Marcelo Cabo, ao LANCE!.

Time-base: Renan; Alex, Sergio Rafael, Xandao e Paulo Henrique; Fabiano, Leo Bartolo, Kelvin, Giovanni e Diogo Sodré; Fabiano Oliveira (Gabriel Vasconcelos). Técnico: Marcelo Cabo

Destaque: Renan

VOLTA REDONDA

Vinícius Pacheco - Volta Redonda
Vinícius Pacheco será a referência do Voltaço (Foto: Divulgação)

O Volta Redonda é outro clube que inicia o Campeonato Carioca tendo um jogador renomado em seu plantel. Cria do Flamengo e com passagens por Grêmio, Náutico e América-RN, Vinícius Pacheco desembarca no Raulino de Oliveira com a responsabilidade de conduzir a equipe, que traz nomes como Dija Baiano, Rafael Pernão e Lopes Tigrão. 


- Estou lidando com a responsabilidade, muito feliz após me recuperar de uma lesão muito séria. Vou tentar fazer uma grande competição, e ao lado de uma equipe que está trabalhando forte, fazer uma boa participação com o Volta Redonda - disse o meia, ao LANCE!.

Time-base: Mota; Marrone, Gilberto (Maílson), Luan e Cristiano; Bruno Barra, Marcelo, Rafael Pernão (Lopes Digrão) e Vinícius Pacheco; Tiago Amaral e Dija Baiano. Técnico: Felipe Surian

Destaque: Vinícius Pacheco