LANCE!
13/02/2017
08:42

Cadastre-se no LANCE! ESPRESSO

*|MC:SUBJECT|*
Se você não conseguir visualizar, clique aqui

As perspectivas do esporte muito além da informação. De segunda a sexta, um resumo do que foi notícia e o que de mais importante vai acontecer. Uma seleção do LANCE! com comentários e análise de Luiz Fernando Gomes. Saboroso como um café espresso. Para comentar: lfgomes@lancenet.com.br

Uma tragédia anunciada

Um domingo de sol e praias cheias, 13 blocos pré-carnavalescos com milhares de pessoas nas ruas e um clássico no Engenhão, com 24 mil ingressos vendidos até a véspera. Fosse uma situação normal, já seria complicado. Com a crise na segurança do Rio e as manifestações nos quartéis, a violência de antes de Flamengo e Botafogo, com o efetivo reduzido da PM, era mais do que previsível. O torcedor percebeu: o público pagante foi de pouco mais de 22 mil pessoas, o que significa que muita gente que comprou ingresso desistiu de ir ao jogo. O Botafogo percebeu, e o diretor executivo chegou a defender que não houvesse a partida. Só a Ferj achou que tudo estava normal,  “não tem documento algum para embasar o cancelamento”, reagiu quando o tumulto já ocorria, o diretor de competições, Marcelo Vianna. Um morto e sete feridos não são um “documento” suficiente para a cartolagem. E assim vai seguindo, com o choro apavorado dos pequenos torcedores, o futebol do Brasil...

Que se cumpra o Estatuto

Cancelar o jogo talvez não fosse, de fato, a melhor solução. Fazer isso horas antes da partida começar, com o público já chegando ao estádio, poderia gerar tumulto e a situação, com o policiamento subdimensionado, sair ainda mais do controle. O que faltou, como sempre, foi planejamento. O erro - e aí inclui-se o policiamento de estádios da PM e as autoridades de segurança do Rio - foi tratar uma situação excepcional como se fosse normal. O Estatuto do Torcedor, há mais de 10 anos em vigor, criou a obrigação de se ter o Plano de Jogo, de cada jogo, exatamente para que situações diferentes possam ser previstas e contingenciadas. Na segurança, no transportes, nos serviços médicos e de apoio. Mas é apenas uma lei, mais uma lei no país em que sobram leis e disposição para descumpri-las.

Obama palmeirense

Paulo Nobre reapareceu no Palmeiras para votar na eleição do conselho deliberativo. Foi muito aplaudido pelos sócios e por torcedores. Nobre virou um Obama – o presidente que saiu popular, mas sem força para manter seu legado. A intensidade dos aplausos foi a mesma de sua derrota. Leila Pereira, que ele tentou impugnar, teve 248 votos, um recorde avassalador (o anterior eram 99 votos). E, para completar, o ex-presidente viu Borja chegar ao clube vestido com camisa e boné da Mancha. Um ato simbólico, para não deixar nenhuma dúvida de que as organizadas que ele afastou – com bom motivos, aliás -, de uma vez por todas estão de volta ao dia-a-dia do clube, muito além das arquibancadas. Leila-presidente Galiotte-Mancha formaram um tripé que, daqui para a frente, vai minar ainda mais os espaços do ex-mandatário.

A volta de Ceni ao Morumbi não podia ser melhor. Não apenas pela goleada de 5 a 2 sobre a Ponte,  mas pela forma como foi recebido pelas mais de 50 mil pessoas que encheram o estádio. Ceni ouviu o grito tradicional - “PQP, é o melhor goleiro do Brasil” -, foi homenageado com a música Hells Bells, da banda AC/DC, que virou um hino do final de sua carreira e, nem um frango que tomou quando tentou segurar com as mãos e viu a bola passar por baixo de suas pernas, tirou o bom humor do treinador:  “Sem as luvas é mais difícil”, justificou-se.


Tem gols que são irregulares. Tem gols que são legais, mas fogem da normalidade. Esse foi o caso do gol do Botafogo contra o Flamengo, ontem no Engenhão. O auxiliar errou levantando a bandeira para o impedimento de Roger. Mas a bola não foi lançada para Roger, e sim para Guilherme, em posição legal. Quando a bandeira subiu a defesa rubro-negra parou, o juiz mandou o jogo seguir e o mesmo Roger teve a vida facilitada para marcar.  A lição que fica, para o Flamengo e para todos, é simples: a arbitragem brasileria anda tão ruim, tão confusa,  que não dá para confiar no que está sendo marcado, na bandeira ou no apito. Tem de continuar no lance até o final.

 

Os erros de arbitragem deram a tônica,  também na vitória do Santos por 3 a 2 contra o Red Bull. Dorival Junior admitiu que a bola não entrou no terceiro gol do Peixe. Assim como reclamou de impedimento no segundo gol do RB. O técnico foi incisivo: "A tecnologia está aí para ser usada. Só o futebol não usa. A International Board parece que trabalha contra o futebol, não exigindo algo que pode ser favorável para todo mundo e a margem de erro diminua. Um resultado definido por um erro ou interferência é ruim para quem vence e para quem perde". Mais óbvio impossível.  

 

Rogério Micale não conseguiu repetir o sucesso do ouro na OIimpíada e a seleção brasileira sub-20 vai ficar fora do Mundial da categoria, na Coréia do Sul, ao não se classificar entre as quatro primeiras do Sul-Americano. O Brasil perdeu a vaga ao empatar em 0 a 0 com a Colômbia. Uruguai, campeão do torneio, Equador, Argentina e Venezuela são os classificados.

 

Anderson Silva, em um resultado contestado até mesmo pelo chefão do UFC, Dana White, venceu o americano Derek Brunson, por decisão dos juízes, sábado à noite em Nova York. Após a luta, o Spider, 41 anos, negou que vá se aposentar, Mas admitiu o esforço para lutar: “estou velho"
.

Fab Melo, ex-pivô do Boston Celtics e da seleção brasileira, de basquete, foi encontrado morto em casa, em Juiz de Fora (MG). A causa da morte do atleta, de 26 anos e 2,13 de altura, não foi divulgada.

Paris x Barcelona

Barcelona e Paris Saint-Germain fazem o jogo mais aguardado das oitavas-de-fina da Champions League, amanhã em Paris. E o técnico Luis Enrique tem motivos para perder a noite de sono. O destaque da imprensa francesa é a ausência entre os relacionados para o primeiro confronto de Mascherano, Arda Turan  e Aleix Vidal, contundidos. Masefiniu a lista dos relacionados para a partida contra o Paris Saint-Germain, pela Liga dos Campeões. As novidades do Barça ficam por conta da volta do espanhol Piqué e do brasileiro Rafinha.  O PSG, ao contrário, deve ir com força máxima para cima dos rivais. 

Mario Marra afirma em seu blog que, mesmo sendo derrotado em casa por um time inferior, o Corinthians de Fabio Carille tem demonstrado propostas de jogo que estão sendo absorvidas pelos jogadores e tendem a dar resultados.

Andre Kfouri fala do incomodo que a Primeira Liga está causando, mesmo nos clubes que participaram de sua fundação. Reclamações generalizadas e escalações de times reservas são o sinal mais aparente do desprestígio do torneio junto aos clubes, segundo o colunista.

O São Paulo apresentou ontem no Morumbi o atacante Lucas Pratto e o volante Jucilei, contratados no fim de semana. 


O Las Vegas United (EUA) está próximo de confirmar a contratação do volante Kléberson, 37, jogador ex-Atlético Paranaense, Flamengo e Seleção Brasileira, pentacampeão em 2002.

 

O Vasco já dá como certa a chegada de Luís Fabiano. O atacante foi inscrito no Carioca e publicou uma mensagem enigmática no Instagram -  "V Vamos com tudo", o que foi interpretado como V de Vasco. Fabuloso ainda acrescentou: "uma história termina para outra começar". 

Carioca:

Flamengo 2 x 1 Botafogo. Guerrero e Everton marcaram para o rubro-negro, Roger descontou. O Flamengo mantém 100% de aproveitamento e o Fogão, com time reserva, foi eliminado da Taça Guanabara. Fluminense 4 x 0 Bangu. Gols de Henrique Dourado (2) Scarpa e Osvaldo mantêm o Tricolor também 100% o Carioca. Volta Redonda 1 x 0 Vasco. Uma derrota que deixa o Cruz-maltino ainda precisando brigar para chegar às finais da Taça GB.

 

Paulista

Ituano 1 x 0 Palmeiras. Foi a primeira derrota do Verdão no ano. Sem capacidade de furar o bloqueio rival, o time foi surpreendido nos contra-ataques. Gully marcou.  São Paulo 5 x 2 Ponte Preta. Teve show de Gilberto, que, mesmo marcando três gols, deve sair do time para e entrada de Lucas Pratto. Cueva e Thiago Mendes completaram,Lucca e Matheus Jesus descontaram. Red Bull 2 x 3 Santos. Vitor Bueno, Rodrigão e Kayke fizeram os gols do Peixe, Misael e Nixon os do RB. Corinthians 0 x 2 Santo André. Foi a primeifa derrota doTimão em 2017 e a primeira vez que o time perde para o Santo André em 28 anos. Edilson e Claudinho selaram a derrota corintiana em plena Arena.

 

Mineiro

Atlético-MG 3 x 0 Uberlandia. Pelo placar parece que foi fácil, mas só aos 31 do 2º tempo o Galo conseguiu marcar. E já é o líder isolado do campeonato. Danilo, Rafael Moura e Fred, agora camisa 9, com a saída de Lucas Pratto, marcaram. Cruzeiro 4 x 0 Tupi. Rafael Sobis comandou a goleada marcando duas vezes. Léo e Robinho completaram.


Gaúcho

Grêmio 1 x 0 Passo Fundo. Com gol de Ramiro, o tricolor assume a ponta do Estadual. Internacional 1 x 1 Caxias. Um novo empate em pleno Beira-Rio complicou ainda mais a situação do Colorado que tem apenas dois pontos em três rodadas. É o pior início em 10 anos, D`Alessandro fez o gol do Inter.

 

Catarinense

Brusque 2 x 1 Chapecoense. É a segunda derrota seguida da Chape no Estadual. Time perdeu pênalti e sofreu gol da virada no último minuto, complicando-se na tabela. Joinville 0 x 0 Avaí e Figueirense 2 x 2  Criciúma foram outros resultados da rodada.

 

Paranaense

Coritiba 2 x 1 Foz do Iguaçu. Kleber Gladiador e Henrique Almeida fizeram os gols do Coxa. Prudentópolis 2 x 1 Atlético-PR. O Furacão, jogou sem nenhum titular, poupando o elenco para a Libertadores. Paraná Club 1 x 0 J.Malucell, resultado colocou o Tricolor na liderança do estadual.

 

Copa do Nordeste

Santa Cruz 4 x 0 Uniclinic (CE); Campinense 2 x 0 Náutico; Altos (PI) 0 x 0 Bahia; Sport 2 x 2 River; Vitória 2 x 1 América-RN.

Gostou? Encaminhe para um amigo
Copyright © *|CURRENT_YEAR|* *|LIST:COMPANY|*, Todos os direitos reservados.
Você está recebendo este email porque cadastrou seu email no nosso site.

LANCE!
lance.com.br
Brasil

Se ainda não é assinante se inscreva aqui
Para atualizar seus dados, clique aqui
Deseja parar de receber nossos emails? Clique aqui

*|IF:REWARDS|* *|HTML:REWARDS|* *|END:IF|*
Espresso
Espresso