Cruzeiro x Vitória

Equipe celeste não jogou bem e foi castigada com o empate no final da partida (Foto:Fernando Michel/Lancepress!)

RADAR/LANCE
03/07/2016
13:45
Belo Horizonte (MG)

Não foi nem de perto o jogo que os mais de 40 mil torcedores esperavam ver no Mineirão. O Cruzeiro não fez uma boa apresentação diante do Vitória, mas teve a vantagem numérica a seu favor e conseguiu abrir 2 a 0 no placar. Contudo, o time baiano não se abateu e chegou ao empate para a frustração dos cruzeirenses nas arquibancadas e dentro das quatro linhas. Depois da partida, a lamentação foi geral na saída de campo.

- Acho que recuamos muito, mesmo quando estávamos com um a mais. Tínhamos que ter pressionado mais em campo, aqui dentro do Mineirão, quem tem que mandar é a gente - comentou o zagueiro Fabrício Bruno.


No primeiro tempo, o goleiro Fábio foi o principal nome do Cruzeiro, responsável direto por evitar pelo menos dois gols do Vitória. Mesmo jogando mal, o time da casa ainda conseguiu abrir o marcador, com Alisson. Na etapa final, o Cruzeiro ainda ficou com um jogador a mais e marcou o segundo gol, mas não conseguiu matar a partida. Como castigo, viu o Vitória não se abater e empatar a partida em 2 a 2.

- Nossa equipe impôs um ritmo forte, mas depois não conseguiu manter isso em campo. Não fomos felizes, e o Vitória conseguiu chegar ao empate – comentou o meia Alex, que entrou no lugar de Élber e iniciou a jogada do segundo gol, mas viu dentro de campo o time mineiro pecar nas finalizações e sofrer a igualdade.

Com o resultado, o Cruzeiro perde a oportunidade de se aproximar da parte de cima da tabela e ultrapassar o próprio Vitória. Apenas com o empate, a equipe mineira foi aos 15 pontos e fica a apenas três do Sport, atual 17º colocado e primeiro na zona de rebaixamento.