Água Santa - Estadio (Foto: Divulgação)

Desabamento durante reforma do estádio em Diadema complicou situação do Água Santa (Foto: Divulgação)

LANCE!
19/11/2015
19:43
São Paulo (SP) 

Com chaveamento e datas definidas, o Campeonato Paulista de 2016 ainda não conhece todos seus representantes de maneira oficial. Ainda sem entregar toda documentação necessária à Federação Paulista de Futebol, o Água Santa não está com seu acesso à elite sacramentado. Nesta quinta-feira, a entidade emitiu um comunicado no qual adia a decisão para a próxima semana. 

Ainda de acordo com a FPF, faltam alguns documentos "para a elaboração do relatório final do estádio municipal José Batista Pereira Fernandes, em Diadema. Este laudo está sendo produzido pela Arena, empresa especializada em estádios contratada pela Federação, e irá apontar as condições do estádio, além de determinar se o local atende ao regulamento do Estadual", conforme destacado no comunicado.

Recentemente, o estádio que passa pela reforma teve parte de sua estrutura danificada em desabamento - que feriu três pessoas. Consta no regulamento oficial do Paulistão que qualquer estádio participante precisa de, no mínimo, comportar 10 mil pessoas, algo que o Caldeirão de Diadema passará a atender apenas após as obras. 

No dia do sorteio, o presidente do clube, Paulo Farias, conversou com a reportagem do LANCE! e garantiu que todos os documentos e laudos já haviam sido entregues. A conversa, porém, aconteceu antes do desabamento, fato que gerou a necessidade de novas comprovações. 

Caso confirme o acesso, o clube formará parte do Grupo D, ao lado de Corinthians, RedBull Brasil, Mogi Mirim e Rio Claro.