Botafogo x Atlético-MG

No primeiro turno, ninguém levou a melhor: 1 a 1 no Nilton Santos (Foto: Celso Pupo/Fotoarena)

LANCE!
29/10/2017
08:00
Rio de Janeiro (RJ)

Qual carrasco vai levar a melhor neste domingo, no Independência, a partir das 17h, em jogo válido pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro? O atacante Fred, do Atlético-MG, que já marcou 16 gols no Botafogo ou o Glorioso vai fazer valer a freguesia dos mineiros?

O atacante mineiro enfrentou o Botafogo em 26 oportunidades e marcou 16 gols. Neste ano, não marcou na sua vítima favorita, mas ano passado marcou três vezes no Brasileirão. Uma pelo Fluminense e duas já no Atlético, uma no turno e outra no returno. Ele é o maior carrasco do Glorioso no século e foi expulso no primeiro jogo da Copa do Brasil, cumpriu suspensão no segundo e entrou em jogo no fim do segundo tempo no empate de 1 a 1.

Por isso, claro, o técnico Jair Ventura pede atenção com o artilheiro de 34 anos e 1,85m, mas lembra: o Atlético também tem outras armas, oferece perigos até mesmo na zaga.

- Não só o Fred oferece perigo. O Leonardo Silva (zagueiro) também...Já tomei vários gols dele. Ele fez um ano passado contra a gente na Arena. Você treina, mas não consegue marcar. É questão de jogadores que têm qualidade. Será mais um grande jogo, contra um grande adversário. A gente sabe a qualidade individual do Atlético-MG. Falo do Fred, Robinho, Elias, Luan... É muito jogador. A gente viu isso na vitória no clássico (contra o Cruzeiro) e temos que ficar com a atenção redobrada - opinou o comandante, já projetando o jogo e descartando a freguesia histórica do Atlético.

Por mais que seja jogo de Brasileirão, tem que se destacar: o Botafogo eliminou o Galo quatro vezes da Copa do Brasil, incluindo esse ano. O Glorioso também eliminou o Atlético-MG na Conmebol de 93 e duas vezes em Sul-Americana. Já o Atlético-MG nunca bateu eliminou o Alvinegro Carioca. No geral, são 101 confrontos entre as equipes, com 47 vitórias do Botafogo, 29 dos mineiros e 25 empates.