Corinthians x Flamengo (Foto: Reginaldo Castro /Lancepress)

No ano passado, Corinthians venceu o Flamengo na Arena

Bruno Cassucci e Rodrigo Vessoni
02/07/2016
06:00
São Paulo (SP)

Briga pelo G4, volta de Guerrero à Arena, duelo entre técnicos que tentam se afirmar... Há diversos componentes que apimentam o duelo de amanhã entre os clubes de maior torcida do Brasil, pela 13ª rodada do Brasileirão, mas um tabu se destaca: há dez anos o Corinthians não é derrotado pelo Flamengo em São Paulo.

Desde 2006, quando o Rubro-Negro bateu o Timão por 2 a 0, foram oito jogos na Terra da Garoa, com um empate e sete vitórias alvinegras.

E engana-se quem pensa que o Corinthians vive só de passado. O presente como mandante também é arrasador. A equipe não perde em Itaquera há 29 partidas (24 triunfos e cinco empates). Neste ano, está invicta e com o incrível aproveitamento de 90,47%. Já pelo Campeonato Brasileiro, o último tropeço foi em 31 de maio de 2015, para o Palmeiras.

Apesar dos números tão positivos, o treinador corintiano, Cristóvão Borges adota discurso cauteloso e prevê um confronto equilibrado.

– Tem melhorado muito o Flamengo, inclusive nas últimas rodadas, apresentando características que geralmente não têm no clube. Assisti alguns jogos deles, têm uma defesa muito organizada. Sabem defender bem e vão fazer isso na Arena, tentando contra-ataque. Acho que isso vai acontecer, mas estamos nos preparando – comentou o técnico, que dirigiu o time carioca em 2015.

Já do lado rubro-negro, o retrospecto não assusta nem serve como motivação segundo Réver. 

– Motivação, em si, já é muito grande, você tem um clássico, isso já gera motivação. Esses tabus, escritas não entram. Mas se viermos a quebrar a escrita, ficaremos felizes – comentou o defensor, que destacou a importância de a equipe entrar concentrada no “jogo de seis pontos”.

Caso acabe com o jejum em terras paulistanas, o Flamengo ultrapassará o Corinthians e entrará na zona de classificação para a Copa Libertadores. Já o Timão pode até assumir a liderança em caso de vitória e tropeço do Palmeiras na segunda-feira. Valeu muito mais do que só um tabu!

FLAMENGO É O MELHOR VISITANTE DO BRASILEIRO

Enquanto o Corinthians é muito forte em casa, o Flamengo é o melhor visitante do Campeonato Brasileiro. Dos cinco jogos que disputou fora de seus domínios, o Rubro-Negro venceu três partidas e perdeu outras duas na competição nacional. Coincidência ou não, estes resultados positivos foram conquistados sob o comando do interino Zé Ricardo.

O treinador espera um duelo aberto e promete levar o time em busca da vitória na casa do Alvinegro.

– O Corinthians é um time que mantém o padrão há pelo menos três anos, mesmo com troca de treinadores. Eles têm jogadores versáteis, laterais que apoiam e uma torcida que empurra muito na Arena. Vamos nos preparar muito bem porque o Flamengo pensa grande. Podemos jogar de igual para igual e fazer um bom jogo – garantiu o treinador.

As três vitórias fora de casa do Flamengo foram conquistadas sobre Ponte Preta, Cruzeiro e Santa Cruz. Por outro lado, o Rubro-Negro foi derrotado por Grêmio e Figueirense sem o mando de campo.

Sem poder contar com o Maracanã, o Flamengo vinha sofrendo com a falta de uma “casa” neste ano.

FLAMENGO VENCEU RIVAL EM CAMPINAS E, RECENTEMENTE, PELA COPINHA, NA ARENA

Mesmo que o Corinthians não perca para o Flamengo há dez anos em São Paulo, a torcida rubro-negra lembra com carinho de um duelo entre as equipes em 2009, no Brinco de Ouro, em Campinas. Naquela ocasião, o time da Gávea venceu o rival por 2 a 0, com gols de Zé Roberto e Leonardo Moura.

A partida foi válida pela penúltima rodada do Campeonato Brasileiro daquele ano, conquistado pelo Flamengo no Maracanã.
Recentemente, em janeiro, Flamengo foi campeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior, sobre o Corinthians, nos pênaltis, no Pacaembu.