Apresentação - Cruzeiro x Tupi HOME

Apresentação - Cruzeiro x Tupi HOME

RADAR/LANCEPRESS
13/02/2016
20:25
Belo Horizonte (MG)

Na última rodada do Mineiro, o Cruzeiro superou o Tombense fora de casa, mas não agradou. Desta vez, o clube volta ao Mineirão para receber o Tupi, neste domingo, às 17h, e quer apresentar um futebol bem melhor. Para alcançar o segundo triunfo no ano, o técnico Deivid aposta na mudança do esquema tático para passar menos sufoco dentro de campo.

Desde que assumiu o Cruzeiro, Deivid abandonou o antigo 4-3-3 de Mano Menezes e promoveu o 4-2-3-1. No entanto, o desempenho defensivo do clube nas primeiras três partidas do ano não agradou. Contra o Tupi, o treinador voltará a escalar a Raposa com três jogadores executando a função de volante, mas com características ofensivas. A estratégia tem como objetivo preencher mais os espaços e impedir buracos na defesa.

- O que tem me incomodado foi a forma como a gente estava jogando. No 4-2-3-1, não estávamos recompondo e acabamos deixando buracos no meio. Você tem de propor o jogo, mas tem de marcar, tem que recompor. A gente não estava conseguindo marcar. Nesta formação, vamos ficar mais protegidos – comentou o treinador.

Ainda sem poder contar com Willian, Rafael Silva permanece como atacante de referência, auxiliado por Alisson. Sánchez Miño será o meia central, enquanto Marcos Vinícius ficará mais recuado para ajudar Henrique e Ariel Cabral na marcação. Poupado no meio de semana com dores no joelho, Fábio não é dúvida e vai para o jogo.

Sem vencer nas duas primeiras partidas do ano, o Tupi já trabalha com certa urgência para somar seus primeiros pontos, e para isso vale até treino fechado. O técnico Ricardo Drubscky chegou a testar a equipe com três volantes, mas fez mistério sobre o time que enfrenta o Cruzeiro no Mineirão.

CRUZEIRO x TUPI
Motivo: 3ª rodada, Campeonato Mineiro 2016
Data/Hora: 14/02/2016, às 17h
Local: Estádio Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Árbitro: Wanderson Alves de Souza
Auxiliares: Felipe Alan Costa de Oliveira e Leonardo Henrique Pereira.

CRUZEIRO: Fábio; Mayke, Dedé, Manoel e Fabrício; Henrique, Marcos Vinícius, Ariel Cabral e Sánchez Miño; Alisson e Rafael Silva. Técnico: Deivid.

TUPI: Glaysson; Osmar, Sidimar, Fabrício Soares e Pirão (Thiaguinho); Filipe Alves, Rafael Jataí, Recife, Vinícius Kiss e William Kozlowki; Michel (Michel Douglas). Técnico: Ricardo Drubscky.