HOME - Chapecoense x Internacional - Campeonato Brasileiro - Gol de Ananias (Foto: Reprodução/Premiere)

        Jogadores da Chape celebram o gol de Ananias, o da vitória na Arena Condá (Foto: Reprodução/Premiere)

LANCE!
19/11/2015
22:12
Chapecó (SC)

Teve temporal em Chapecó, queda de luz que atrasou o início do jogo entre Chapecoense e Internacional em cerca de 50 minutos e... vitória da Chape. Com gol de Ananias, o Verdão do Oeste derrotou o Colorado por 1 a 0, na noite desta quinta-feira, em duelo válido pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. A Chape praticamente se garantiu na elite do Brasileirão – apenas uma pouco provável sequência de resultados mudará tal situação.  Já o Inter desperdiçou a oportunidade de ingressar no G4 da competição em caso de vitória e tropeço dos concorrentes.

Com a 12ª vitória no Brasileirão, a Chapecoense foi aos 46 pontos, abrindo nove para o Coritiba, o primeiro time da zona do rebaixamento – faltam três rodadas ou nove pontos em disputa para o fim da competição. A Chape, agora, terá o Figueirense como rival. O duelo será no próximo domingo, no Orlando Scarpelli, às 17h. O Colorado segue com 53 pontos e na sexta colocação. A tentativa de reabilitação será no Gre-Nal 408 de domingo, no Beira-Rio, a partir das 17h.


FALTOU FUTEBOL NO PRIMEIRO TEMPO...


O primeiro tempo foi de muita disposição em campo, mas de pouca qualidade. O Internacional tentou pressionar a Chapecoense nos primeiros minutos, mas com o passar do tempo, o time catarinense passou a ter mais posse de bola. Faltava, no entanto, poder de conclusão ao Verdão do Oeste. Túlio de Melo, por exemplo, não mostrou precisão na única chance que teve.

O Colorado de Argel Fucks por sua vez, até levou mais perigo que a Chape, mas encontrou a mesma dificuldade da adversária na hora de concluir. Vitinho, aos 24, teve a melhor chance da primeira etapa, mas finalizou muito mal após passe de Anderson. D'Alessandro tentou organizar o time em campo, mas não teve sucesso. O zero a zero foi justo pelo pouco futebol apresentado.

EXPULSÃO, GOL DE ANANIAS E VITÓRIA DA CHAPE

A etapa final começou movimentada. Rodrigo Dourado teve ótima chance para abrir o placar, mas foi a Chapecoense que mostrou mais qualidade para sair na frente. O gol poderia ter saído aos sete, com Túlio de Melo, mas o centroavante estava em posição de impedimento. Eis que aos 16, Juan fez nova falta dura em Túlio de Melo e foi expulso – ele havia sido amarelado nove minutos antes. Na cobrança da falta, Ananias, de cabeça, fez Chape 1 a 0, aos 19 minutos.

Argel fez o que podia diante do cenário do seu Inter, mas o Colorado, apesar de valente, não mostrou ser capaz de buscar o empate e, depois, a virada na Arena Condá. A Chapecoense, por sua vez, soube conter o ímpeto rival e celebrou importante triunfo diante da sua torcida.

FICHA TÉCNICA
CHAPECOENSE 1 X 0 INTERNACIONAL


Local: Arena Condá, Chapecó (SC)
Data-hora: 19/11/2015 – 19h30 (20h20, após falta de luz)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (PE)
Auxiliares: Clóvis Amaral da Silva (PE) e Bruno Cesar Chaves Vieira (PE)
Público/Renda: 12.693 presentes/R$ 446.280,00.
Cartões amarelos: Túlio de Melo, Vilson, Neném e Maranhão (CHA); Juan, D'Alessandro e William (INT)
Cartão vermelho: Juan, 16'/2ºT (INT)

Gol: Ananias, 19'/2ºT (1-0).

CHAPECOENSE: Nivaldo; Apodi, Vilson, Thiego e Dener; Bruno Silva, Cleber Santana, Camilo (William Barbio, 36'/2ºT) e Maranhão; Ananias (Neném, 31'/2ºT) e Túlio de Melo (Tiago Luis, 45'/2ºT) – Técnico: Guto Ferreira.

INTERNACIONAL: Alisson; William, Paulão, Juan e Ernando (Arthur, 27'/2ºT); Nico Freitas, Rodrigo Dourado (Alisson Farias, 34'/2ºT), Anderson e D'Alessandro; Vitinho e Lisandro López (Alan Costa, 18'/2ºT) – Técnico: Argel Fucks.