Ricardo Oliveira, Gabigol e Lucas Lima na Seleção

Ricardo Oliveira, Gabigol e Lucas Lima vão para a Seleção e irão desfalcar o Santos

Luis Filipe Chateaubriand
07/05/2016
09:55
São Paulo (SP)

A convocação da Seleção Brasileira para a Copa América Centenário prejudica alguns clubes brasileiros, que terão que jogar nove rodadas do Campeonato Brasileiro – principal competição do Calendário – sem jogadores importantes, cedidos à Seleção.

A despeito da convocação ser algo nocivo para clubes como São Paulo (Rodrigo Caio convocado), Atlético Mineiro (Douglas Santos convocado), Internacional (Alisson convocado) e Corínthians (Elias convocado), é o Santos o clube mais prejudicado entre todos, pois cedeu seus três principais jogadores ao selecionado nacional: Gabriel, Ricardo Oliveira e Lucas Lima.

Parece ser óbvio que, sem contar com seus três jogadores de maior destaque em um quarto do Campeonato Brasileiro, o clube santista já começa a competição sem chances de conquistá-la, até porque um dos principais trunfos do técnico Dorival Júnior é o entrosamento da equipe, que se desfaz sem os três atletas.

É triste constatar que o clube da Vila Belmiro é atingido pelo péssimo calendário do futebol brasileiro. Tivéssemos um calendário mais adequado, o Santos não seria alvo de tamanha indignidade. E nem, em ponto menor, Atlético Mineiro, Corínthians, Internacional e São Paulo.

A alternativa mais propícia para evitar situações como essa é a adequação do calendário do futebol brasileiro ao calendário europeu. Se utilizássemos a referida metodologia, a temporada de jogos oficiais iria de agosto de um ano a maio do ano seguinte, sem jogos oficiais de clubes em junho e julho. Então, assim fosse, a Copa América seria disputada sem desfalcar clube brasileiro algum. O Santos agradeceria... São Paulo, Internacional, Corínthians e Atlético Mineiro, também.

Não é difícil se implantar um calendário eficaz em nosso futebol. No entanto, há que se ter coragem para enfrentar de frente algumas situações nocivas. Mas parece que essa coragem anda escassa. Perde o Santos, perde o futebol brasileiro.

* Luis Filipe Chateaubriand é Consultor de Conteúdo do Bom Senso Futebol Clube e autor da Obra “Um Calendário de Bom Senso para o Futebol Brasileiro”