Briga - CRB x CSA

Torcedor do CRB foi espancado por pelo menos dez agressores do CSA (Foto: Reprodução/Esporte Interativo)

Dayvidson Soares - Enviado especial para o LANCE!
09/05/2016
11:35
Maceió (AL)

Um dia após o maior vexame do futebol brasileiro dos últimos anos ter ocorrido na final do Campeonato Alagoano, com a vitória do CRB sobre o CSA por 1 a 0 no Estádio Rei Pelé, em Maceió, e que valeu o bicampeonato ao alvirrubro, o LANCE! entrou em contato com o volante Jean Cleber, do CSA, que lamentou todo o triste ocorrido.

- É lamentável o que aconteceu, a briga e toda a confusão em si. Dentro de campo tem que ter só futebol, não pode ter a confusão que teve. Um dia especial como Dia das Mães e infelizmente alguém pode acabar perdendo seu ente querido, por causa de uma idiotice de torcedores de torcidas organizadas gerando toda essa brutalidade. O que aconteceu não é futebol. Futebol é dentro de campo e não pode passar disso - disse o camisa 5 do Azulão.  

Briga - CRB x CSA
Briga também na arquibancada (Foto: Reprodução/Esporte Interativo)

Jean Cleber revelou ainda que alguns torcedores do CRB foram para cima dele e de outros jogadores do CSA, mais jogadores do Galo impediram que algo pior acontecesse os protegendo e o afastando da confusão.

- No momento da invasão a nossa reação foi de ficarmos juntos para nos ajudar, para logo conseguir sair do gramado e ficarmos seguros- disse o jogador - afirmou. 

Governo se manifesta

Por meio de uma rede social, o governador de Alagoas, Renan Filho, publicou um texto onde informa que determinou que a Segurança Pública tenha uma ação imediata e integrada para identificar, localizar e capturar os envolvidos nos atos de violência.

- As cenas de selvageria que ocorreram após o jogo entre CSA e CRB, neste domingo, são inaceitáveis e envergonham as famílias de Alagoas. Determinei agora à noite (de domingo) ao sistema de Segurança Pública uma ação imediata e integrada de todas as forças policiais para a identificação, localização e captura dos envolvidos nos atos de violência. E toda presteza possível no socorro às vítimas. Alagoas repudia a violência e a covardia. O Governo do Estado já está agindo para que, com a rapidez necessária, os membros de torcidas organizadas que agem como bandidos travestidos de torcedores sintam a mão firme da polícia, a força da Lei e a face severa da Justiça - afirmou o governador.  

Federação Alagoana repudia o acontecido

Ainda na noite de domingo, a Federação Alagoana de Futebol emitiu uma nota em nome do presidente Felipe Feijó, repudiando veementemente os episódios de violência ocorridos no clássico. A FAF afirma que inadmissível que cenas como aquelas se repitam no futebol alagoano, e lamenta que torcedores mancham o futebol.

A Federação pediu ainda uma parceria com aqueles que bem amam o futebol, para conseguir identificar aqueles que fizeram parte da lamentável selvageria no estádio Rei Pelé, no intuito de que possam responder na justiça por seus atos e, também, serem banidos dos estádios. 

Confira a nota na integra:

A Federação Alagoana de Futebol, por meio do presidente Felipe Feijó, vem a público REPUDIAR veementemente os episódios de violência ocorridos no último jogo do Campeonato alagoano, após o clássico CSA e CRB, neste domingo, 8, no estádio Rei Pelé.

É inadmissível que cenas como estas ainda se repitam em nosso futebol. LAMENTÁVEL que os que se dizem torcedores simplesmente manchem um esporte que é tão bonito e tão apaixonante.

Esta Federação conclama a sociedade, as autoridades, enfim, as pessoas de bem que amam o futebol para que, em parceria, ajudem a identificar aqueles que fizeram parte da lamentável selvageria no estádio Rei Pelé no intuito de que possam responder na justiça por seus atos e, também, serem banidos dos estádios.

Não à violência. Sim ao esporte.

Contamos com a ajuda de todos!

Briga - CRB x CSA
Torcedor desacordado (Foto: Reprodução/Esporte Interativo) 

No fim da manhã desta segunda, o Hospital Geral do Estado (HGE) informou que um adolescente, de 17 anos, que estava com traumas no rosto e estava internado ala vermelha, recebeu alta.