Internacional x Ponte Preta
LANCE!
07/11/2015
21:25
Porto Alegre (RS)

Sobrou polêmica e discussão ao término do jogo entre Internacional e Ponte Preta, neste sábado, no Beira-Rio. O gol de Vitinho, o da vitória colorada, ocorreu após o Colorado não devolver a bola ao time de Campinas, em um gesto de fair play. Técnico do Inter e um dos "personagens" do lance, Argel Fucks negou que o Inter deveria ter devolvido a bola.

Momentos antes do gol, Alexandro colocou a bola para fora após ver Biro Biro, seu companheiro de Ponte, caído no gramado. Biro Biro foi atendido, retornou ao jogo, mas o Inter não devolveu a posse de bola. Segundo o treinador colorado, Biro Biro teria praticado o antijogo, já que teria tentado ludibriar a arbitragem ao simular uma contusão para ganhar tempo com a partida se aproximando do fim.

– Quem deu autorização foi o árbitro (Ricardo Marques Ribeiro). Ele (Biro Biro) deu um pique para o meio do campo para entrar na partida, e ninguém reclamou. A partir do momento que o William jogou o lateral, ninguém reclamou. Depois de 15 toques na bola, a gente continuou fazendo a jogada. Em momento nenhum foi fair play. Até me pareceu antijogo – destacou Argel, que discutiu com Biro Biro logo após o gol, em coletiva.

Argel fair play
Jogadores da Ponte reclamam de falta de fair play do Inter

Já Carlos Pellegrini, vice de futebol do Internacional, preferiu não comentar a atitude de Argel, mas enfatizou que não havia necessidade de fair play no lance.

– A Ponte Preta é um time que está buscando também a classificação para a Libertadores. Os jogadores acharam que precisava de fair play, e o Argel mandou seguir. Caiu, levantou e segue o jogo. Não tinha necessidade de devolver a bola. Não tenho que avaliar a atitude do nosso treinador. Não sei do que estão reclamando. Não existe fair play no momento em que o jogador não sofre a falta – disse o dirigente.

Após o término do jogo, a discussão continuou entre profissionais do Inter e da Ponte Preta na entrada do vestiário da equipe de Campinas. O árbitro Ricardo Marques Ribeiro chegou a "participar" na tentativa de acalmar os ânimos. 

Com a vitória deste sábado, o Internacional chegou aos mesmos 53 pontos de Santos e São Paulo, mas leva desvantagem no saldo de gols. O triunfo ainda manteve a invencibilidade do Colorado no Beira-Rio sob o comando de Argel Fucks. Agora são sete vitórias e um empate, um aproveitamento de 91,6% dos pontos.

Internacional x Ponte Preta (Foto: Itamar Aguiar/Agencia Freelancer)
Vitinho brilha, Inter vence a Ponte Preta no Beira-Rio e cola no G4