Thiago Salata
18/04/2016
08:00
São Paulo (SP)

O Corinthians atropelou o Red Bull. O Santos liquidou o São Bento logo no primeiro tempo. Arena e Vila. As duas fortalezas serão os palcos das semifinais do Paulistão no próximo fim de semana. Osasco Audax e Palmeiras ou São Bernardo terão de suar além da conta para derrubar dois dos mais fortes mandantes do país. Empates levam aos pênaltis.

A vitória por 4 a 0 do Corinthians sobre o Red Bull marcou o 20º jogo seguido de invencibilidade do Timão em Itaquera. São 18 vitórias e apenas dois empates desde 26 de agosto, data da derrota e eliminação para o Santos na Copa do Brasil na Arena.

O triunfo do Peixe por 2 a 0 sobre o São Bento levou o time ao 25º jogo consecutivo sem derrotas na Vila: 22 de vitórias e três empates desde 5 de julho, quando o Alvinegro foi batido por 3 a 1 para o Grêmio (Brasileiro).

Se apenas o Timão tem 100% de aproveitamento em casa neste ano (11 vitórias), o Peixe pode se gabar de não vacilar em decisões recentes dentro de seu território, algo que ainda atormenta os corintianos. Mesmo com os números espetaculares, o Corinthians já caiu três vezes em seus domínios em menos de um ano (Palmeiras, Guaraní-PAR e Santos). O Peixe foi campeão paulista de 2015 dentro da Vila e passou por cima de todos no estádio até perder, fora de casa, a final da Copa do Brasil.

Talvez isso explique o resultado de uma enquete que fiz no Twitter (@ThiagoSalata): onde é mais difícil, para o visitante, fazer uma semi em jogo único? 82% votaram Vila.

O São Paulo não terá de visitar nenhum dos estádios onde tem sofrido tanto já que, mais uma vez, deu vexame, desta vez em Osasco, e está fora do Paulistão. A equipe de Bauza tomou um baile do Audax e poderia até ter sofrido um placar mais elástico do que o 4 a 1 final. Vexatório, aumentando uma lista recente de quedas para pequenos que já tem Bragantino, Penapolense, Ponte Preta, Avaí... Não está fácil!

Ao Palmeiras, nesta segunda-feira, a vitória contra o Bernô o leva para a Vila. Se passar nos penais, vai a Itaquera.