Coronel Nunes chega ao hotel da Conmebol (Foto: Igor Siqueira)

Coronel Nunes chega ao hotel da Conmebol no Paraguai (Foto: Igor Siqueira)

Igor Siqueira
25/01/2016
18:42
Enviado especial a Assunção (PAR)

Mesmo após assinar, nesta segunda-feira, uma resolução vetando a realização da Primeira Liga como competição oficial do futebol brasileiro em 2016, o presidente da CBF, o Coronel Antonio Carlos Nunes, disse que nem sequer está inteirado sobre o assunto.

Nunes foi indagado sobre os motivos do veto assim que chegou ao hotel da Conmebol, em Assunção (PAR), onde acontece a reunião do Comitê Executivo da entidade.

- Estou desde ontem (domingo) em São Paulo para a final da Copa São Paulo e vou me inteirar do que está acontecendo - disse Nunes, que emendou:

- Depois vamos ver isso aí.

Sobre a possível decisão dos clubes de jogar mesmo com a posição contrária, Nunes respondeu:

- Aí é problema de cada um, né...

A delegação brasileira chegou com bastante atraso à Conmebol, na reunião que vai tratar sobre a sucessão na entidade, que ficará a cargo do paraguaio Alejandro Domínguez.

Esta é a primeira vez que o Coronel Nunes representa a CBF na Conmebol. Assim que colocou os pés no hotel da entidade, fez questão de se apresentar:

- Nunes, CBF, Brasil.