Apresentação - Vitória x Corinthians

 

LANCE!
21/05/2016
19:58
São Paulo (SP)

Vitória e Corinthians se enfrentam neste domingo, às 16h, no Barradão, tentando melhorar a imagem deixada na estreia do Brasileirão e, enfim, vencer. Os baianos foram goleados pelo Santa Cruz, fora de casa, enquanto o Timão empatou em Itaquera com o Grêmio.

Atual campeão brasileiro, o Corinthians terá mudanças. Guilherme e Giovanni Augusto ganharam as vagas de Rodriguinho e Romero.

Outra novidade estará no gol. Walter já havia sido titular na primeira rodada, mas agora deixará Cássio no banco. Dispensado da última partida para acompanhar o sepultamento da avó, o ídolo corintiano acabou perdendo a posição e ficará na reserva.

Já a equipe comandada pelo técnico Vagner Mancini terá o retorno de Willian Farias, recuperado de lesão. Além dele, Dagoberto e o meia-atacante Marinho, que ficaram fora na derrota para o Santa Cruz por 4 a 1 na estreia do Brasileiro, também treinaram no sábado. Marinho, inclusive, deve estar entre os titulares.

Apesar de ter tropeçado na volta à Série A, o Vitória chega confiante para o confronto diante do time paulista. A equipe rubro-negra venceu a Portuguesa na última quinta-feira e avançou para a terceira fase da Copa do Brasil.

- Série A não tem jogo fácil. Encarar o Corinthians é sempre muito complicado, mas temos que entrar focados e buscar aproveitar as oportunidades que criarmos. Eles contam com um elenco muito forte. Sabemos da qualidade deles, só que precisamos da recuperação na competição. Vamos buscar a vitória - disse, o volante José Welison, que vem jogando improvisado na lateral-direita.

FICHA TÉCNICA:
VITÓRIA X CORINTHIANS


Data e horário: 22/5, às 16h.
Local: Barradão, em Salvador (BA).
Árbitro: Heber Roberto Lopes - SC (FIFA).
Auxiliares: Kleber Lucio Gil - SC (FIFA) e Bruno Boschilia - PR (FIFA).

VITÓRIA: Fernando Miguel; José Welison, Victor Ramos, Ramon e Diego Renan; Amaral, Willian Farias, Leandro Domingues e Marinho; Vander e Kieza. Técnico: Vagner Mancini.

CORINTHIANS: Walter, Fagner, Felipe, Balbuena e Uendel; Bruno Henrique, Marquinhos Gabriel, Elias, Guilherme e Giovanni Augusto; André. Técnico: Tite.