Marquinhos Gabriel

Meia-atacante já tem dois gols marcados desde o início da temporada árabe (Foto: Divulgação)

LANCE!
17/02/2016
19:38
Riad (Arábia Saudita)

Titular do Santos na campanha que rendeu o vice-campeonato da Copa do Brasil de 2015, o meia-atacante Marquinhos Gabriel não conseguiu convencer os dirigentes do Al Nassr, da Arábia Saudita, a negociá-lo para o futebol brasileiro. Com um ano e meio de contrato válido com o clube árabe, o jogador teve proposta do Santos e também do Corinthians, clube pelo qual disputaria a Copa Libertadores deste ano. Por empréstimo ou venda dos direitos econômicos, as ofertas foram rejeitadas pelo Al Nassr, que já integrou o jogador ao grupo do técnico italiano Fabio Cannavaro. 

Apesar da boa fase que vive no Al Nassr, com dois gols marcados nas primeiras rodadas do campeonato nacional, Marquinhos Gabriel afirma já ter conversado com os dirigentes sobre sua liberação. Sua vontade demonstrada aos dirigentes do clube é de terminar o semestre por lá e voltar ao Brasil em julho de 2016. Apesar do destino ainda ser incerto, ele fala em "ambições profissionais" para justificar o pedido.

- Claro que tinha a intenção de permanecer no Brasil. Fiz uma grande temporada pelo Santos e tinha a expectativa de continuar no futebol brasileiro, além de ter essa sequência positiva que todos esperam no futebol. Mas não foi possível. No meu retorno ao Al Nassr, falei pessoalmente com o presidente do clube, ele me colocou as necessidades da equipe e me deu a palavra de que poderei ser negociado já no meio deste ano. Tenho ambições profissionais importantes e isso passa pela minha volta ao Brasil - explicou Marquinhos Gabriel.

Revelado nas categorias de base do Internacional, Marquinhos Gabriel defendeu Avaí, Sport e Bahia por empréstimo. Em 2014, ele acertou a ida para o Palmeiras, mas foi vendido no meio da temporada ao Al Nassr. Insatisfeito, pediu para ser emprestado em 2015 e terminou cedido ao Santos, clube pelo qual marcou nove gols em 44 partidas. Aos 25 anos, ele ainda tem um ano e meio de contrato a cumprir na Arábia Saudita.