Confira as melhores imagens da vitória do Vasco sobre o Santos (foto:Wagner Meier/LANCE!Press)
Felippe Rocha
29/11/2015
20:27
Rio de Janeiro (RJ)

Quando faltava pouco mais de uma hora para o início do jogo, um dilúvio caiu sobre o Estádio de São Januário. Provocou alagamento do gramado, atraso na partida, mas foi só o início de uma dia de emoções fortes. No final, o Vasco venceu o Santos por 1 a 0. Numa rodada ruim para o Cruz-Maltino, o gol de Nenê deu ao time mandante a chance de, na última partida, se salvar do rebaixamento. O Peixe, que entrou em campo com reservas, não pode mais ir à Copa Libertadores via Brasileirão.

GALERIA: O confronto em imagens (Fotos: Cleber Mendes e Wagner Meier)

A primeira chance clara foi do Santos, aos quatro minutos. Nilson, de cabeça, obrigou Martin Silva a fazer grande defesa. Mas o Vasco não se assustou. Jorge Henrique chutou forte, mas para fora, aos nove minutos. A intensidade da partida impressionava. Riascos chutou para longe, aos 13 minutos, e, no lance seguinte, Léo Cittadini fez Martin Silva trabalhar de novo, jogando o perigo por cima. Mas a pressão era toda do Cruz-Maltino. Teve chute de Nenê em cima do zagueiro, Diguinho tentando de fora da área... mas nada de gol.

Aos 35 minutos, Riascos encobriu Vanderlei, mas a bola foi lentamente para fora. Pouco depois foi Jorge Henrique quem não conseguiu balançar a rede, pois parou no goleiro. Mas o arqueiro santista derrubou Nenê na área. Aos 44 minutos, o camisa 10 foi preciso e abriu o placar.

O Santos voltou para o segundo tempo mais atento, apesar não conseguir ameaçar, de verdade, o goleiro Martin Silva. Mas os mandantes, tensos, haviam perdido o comando do jogo. O Peixe chegou a ameaçar, com Daniel Guedes e Leandro, aos 18 e 21 minutos, respectivamente. Mas sem sucesso.

Aos poucos, o Vasco tentava avançar. Serginho cabeceou no meio do gol, aos 29 minutos. Rodrigo, de falta, jogou por cima, pouco depois. Do outro lado, Geuvânio cobrou falta da direita, mas a bola foi afastada. E como não poderia deixar de ser, o desespero tomou conta da arquibancada no fim do jogo. Em campo, até Guiñazú entrou para manter a marcação forte e segurar o placar.

FICHA TÉCNICA
VASCO 1 X 0 SANTOS


Local: São Januário, Rio de Janeiro (RJ)
Data-Hora: 29/11/2015 - 18h15
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (Fifa-RS)
Auxiliares: Cleriston Clay Barreto Rios (Fifa-SE) e Elio Nepomuceno de Andrade Junior (RS)

Renda/Público: R$ 478.280,00/11.618 presentes
Cartões amarelos: Andrezinho (VAS); Léo Cittadini e Vanderlei (SAN)
Gol: Nenê, 44'/1ºT (1-0, VAS)

VASCO: Martin Silva, Madson, Rodrigo, Rafael Vaz e Julio Cesar; Diguinho (Guiñazu, 44'/2ºT), Serginho, Andrezinho (Bruno Gallo, 38'/2ºT) e Nenê; Jorge Henrique e Riascos (Rafael Silva, 23'/2ºT) - Técnico: Jorginho.

SANTOS: Vanderlei, Daniel Guedes, Werley, Leonardo e Chiquinho; Leandrinho, Ledesma (Vitor Bueno, itnervalo) e Léo Cittadini (Lucas Otávio, 17'/2ºT); Marquinhos (Leandro, 19'/2ºT), Geuvânio e Nilson - Técnico: Dorival Júnior.