Técnico Valdir Barbosa é desligado do Metropolitano (Fotos: Sidnei Batista/Metropolitano)

Técnico Valdir Barbosa é desligado do Metropolitano (Fotos: Sidnei Batista/Metropolitano)

RADAR/LANCE!
25/02/2016
13:48
Blumenau (SC)

A vasta experiência no futebol não foi o suficiente para manter Valdir Espinosa no comando técnico do Metropolitano. O clube confirmou, na manhã desta quinta-feira, a demissão do técnico de 68 anos.

Contratado em dezembro de 2015, Espinosa não resistiu à derrota para a Chapecoense, líder do Campeonato Catarinense, nesta quarta-feira. O gaúcho deixa a equipe na sexta colocação, com oito pontos. Ao todo, o treinador teve um aproveitamento de 38%, somando duas vitórias, dois empates e três derrotas. Após a derrota por 3 a 0, diante da Chape, Espinosa falou pela última vez como técnico do time do Vale.

- A Chapecoense é uma grande equipe, perto do turno, indo para a final do campeonato. Mas sofremos um gol a um minuto, uma bola parada, depois criamos as situações. E no fim o terceiro gol, definiu o placar. Um placar que não representa o que foi o jogo - disse.

Antes de assumir o Metropolitano, Valdir Espinosa passou por grandes clubes da Série A do Brasileiro, como o Grêmio, em 1983, conquistando a Copa Libertadores da América e o Mundial.  Além do tricolor gaúcho, Espinosa comandou o Vasco, Flamengo, Fluminense, Botafogo, Atlético-MG, Palmeiras, Corinthians, Coritiba e Vitória. Fora do Brasil, ele ainda treinou o Al-Hilal (Arábia Saudita), Cerro Porteño (Paraguai) e Tokyo Verdy (Japão).