Copa Sul - minas - Rio - América-MG X Figueirense (foto:Thomas Santos/AGIF)

Bruno Sávio comemora o gol solitário que deu a vitória ao América-MG (Foto:Thomas Santos/AGIF)

LANCE!
28/01/2016
21:24
Belo Horizonte (MG)

Em sua estreia pela Primeira Liga, o América-MG não teve grandes dificuldades para vencer o Figueirense por 1 a 0, nesta quinta-feira. O placar magro na Arena Independência não refletiu a superioridade do Coelho, que não foi ameaçado em nenhum momento pelo adversário catarinense.

Pelo Grupo C da Primeira Liga, o Figueirense volta a campo no dia 7 de fevereiro. No Orlando Scarpelli, o Figueira vai encarar o Atlético-MG, que perdeu no Mineirão para o Flamengo por 2 a 0 nesta quarta-feira. Já o América-MG vai visitar o Rubro-Negro Carioca no dia 17 de fevereiro. Este confronto ainda não tem local definido.

Antes disso, os clubes têm compromissos pelos Estaduais. No próximo domingo, o Figueirense, na rodada de abertura do Campeonato Catarinense, enfrenta o Brusque no Orlando Scarpelli. No mesmo dia, o Coelho inicia sua campanha no Campeonato Mineiro contra o Tupi, na Arena Independência.

O JOGO

O América-MG começou a partida pressionando o adversário. Assim, não demorou para Júnior Oliveira ser obrigado a trabalhar. Aos dois minutos, o goleiro do Figueirense defendeu chute forte de Danilo de fora da área. O Coelho seguiu melhor e, aos 14, abriu o placar no Independência. Rafael Bastos tentou cruzar, a bola desviou em Leandro Silva e explodiu no travessão. No rebote, Bruno Sávio balançou a rede: 1 a 0.

Em desvantagem, o Figueira foi ao ataque. Apostando na velocidade de Clayton e Dudu, o time de Hudson Coutinho não levou perigo ao gol rival. Isso porque os cruzamentos feitos foram, em sua maioria, cortados pelo goleiro João Ricardo. Antes do intervalo, o Coelho quase marcou o segundo em cobrança de falta de Danilo e finalização de Bruno Sávio.

Os técnicos não fizeram substituições no intervalo e a partida segui no mesmo ritmo. A dupla Rafael Bastos e Bruno Sávio continuou a encontrar espaço na defesa adversária e teve boas chances para ampliar, mas as finalizações foram travadas ou o goleiro Júnior Oliveira trabalhou bem.

A partir dos 20 minutos, o ritmo do jogo caiu. O técnico Hudson Coutinho tentou colocar o Figueira para a frente com as entradas de Elias e Ermel, mas a defesa do América-MG seguiu sendo superior. No fim, o Coelho esteve mais próximo de marcar o segundo do que sofrer o empate, mas o 1 a 0 persistiu.

FICHA TÉCNICA
AMÉRICA-MG 1 x 0 FIGUEIRENSE


Local: Arena Independência, Belo Horizonte (MG)
Data-hora: 28/1/2015 – 19h30
Árbitro: Arilson Bispo da Anunciação (BA)
Auxiliares: Júlio César Rodrigues Santos (RS) e Júlio César Spinosa de Freitas (RS)
Renda/Público: R$ 30.770,00 / 2.127 pagantes
Cartões amarelos: Osman (AME); Yago (FIG).
Cartões vermelhos: Não houve.

Gol: Bruno Sávio (1-0, 13'/1ºT).

AMÉRICA-MG: João Ricardo, Jonas, Alison, Sueliton e Danilo (Bryan, 32'/2ºT); Leandro Guerreiro (Ernandes, 35'/2ºT), Claudinei, Rafael Bastos e Tony; Osman e Bruno Sávio (Maranhão, 41'/2ºT). Técnico: Gilvanildo Oliveira.

FIGUEIRENSE: Junior Oliveira; Leandro Silva, Marquinhos, Bruno Alves e Marquinhos Pedroso; Jackson Caucaia, Dener (Bruno Dybal, 14'/2ºT), França (Ermel, 36'/2ºT) e Yago (Elias, 29'/2ºT); Clayton e Dudu. Técnico: Hudson Coutinho.