Zenit x Valencia.

Hulk foi titular na vitória do Zenit (Foto: OLGA MALTSEVA/AFP)

LANCE!
24/11/2015
16:51
São Petersburgo (RUS)

O Zenit voltou a fazer bonito nesta terça-feira, pela quinta rodada do Grupo H da Liga dos Campeões. Em São Petersburgo, jogando em seus domínios, o time do brasileiro Hulk recebeu o Valencia e venceu por 2 a 0, gols de Shatov e Dzyuba. A equipe permanece como a única equipe com 100% de aproveitamento no torneio após cinco jogos.

Desta forma, o Zenit fica com 15 pontos, e além de classificação, já tem até a liderança da chave garantida. O Valencia fica com seis, dois a mais que o Gent, que ainda entra em campo nesta rodada contra o Lyon, que tem apenas um ponto marcado. Se os franceses vencerem, tudo fica embolado, caso os belgas ganhem, os espanhóis vão para a última partida na terceira colocação.

Hulk começou a jogada, a defesa do Valencia não conseguiu tirar, Dzyuba disputou pela bola, que sobrou para Shatov. O atacante russo teve calma e categoria para tirar do goleiro Domenech. Ainda no primeiro tempo, quase uma chance. Após bola alta na área, Witsel recebeu de cara para o gol, só empurrar para dentro. Mas o belga se atrapalhou todo.

Na etapa final, o Valencia tentou sair para o jogo, buscou o ataque, e chegou a ter um gol anulado. Quando Nuno Espírito Santo resolveu tirar Enzo Pérez para colocar o brasileiro Danilo, antes mesmo de o ex-jogador de Vasco e Braga trazer alguma mudança, saiu mais um gol do Zenit.

Após ótima troca de passes nas proximidades da área do Valencia, Danny achou Dzyuba ao seu lado. O russo teve apenas o trabalho de completar para o gol e jogar um balde de água fria na tentativa de reação dos Ches.

Um pouco depois, o Valencia foi para o tudo ou nada. E o Zenit soube aproveitar os espaços para garantir o jogo. De início, não marcando o gol, mas ficando com um a mais em campo. Em contra-ataque, Shatov ia ficar na cara do gol e Rúben Vezo fez falta. Acabou sendo expulso. Daí para o fim, foi só garantir o resultado.