Valencia x Rapid

Valencia x Rapid (Foto: BIEL ALINO/AFP)

LANCE!
18/02/2016
20:01
Valência (ESP)

Depois de vencer a primeira pelo Campeonato Espanhol sob o comando de Gary Neville, o Valencia teve uma atuação de gala nesta quinta-feira pela Liga Europa. Em casa, os Ches massacraram o Rapid de Viena, principalmente no primeiro tempo com show do jovem Santi Mina e venceram por 6 a 0. Em Portugal, o Bayer Leverkusen desbancou o Sporting e ganhou por 1 a 0. O Braga derrotou o Sion por 2 a 1 fora, enquanto Schalke 04 e Shakhtar Donetsk ficaram no 0 a 0 na Ucrânia.

O Valencia não demorou a construir a goleada. O primeiro gol saiu logo aos quatro minutos. André Gomes foi à linha de fundo, cruzou rasteiro e Santi Mina marcou para começar a sua bela atuação. O segundo veio aos 10 com lindo passe do jovem espanhol para Parejo, que teve calma na frente do goleiro Strebinger para finalizar e ampliar.

Depois de 15 minutos, mais massacre. Mina marcou mais um após cruzamento de Piatti, e daria os passes para os próximos dois. Depois de dar um chapéu no marcador, o espanhol achou Negredo, que botou para dentro. Pouco depois, entortou o zagueiro adversário e serviu André Gomes. Saldo do jogo do jogador: dois gols e três assistências. Já no fim da partida, Rodrigo fez o sexto após receber de Vezo.

Já o Sporting poupou alguns jogadores importantes, como Adrien Silva e Slimani, e não conseguiu se impor, mesmo jogando dentro do José Alvalade. Ainda no meio do primeiro tempo, o Bayer Leverkusen abriu o placar. Jedvaj cruzou pelo lado direito do ataque e Bellarabi completou de joelho para o gol.

No segundo tempo o Sporting foi para cima e colocou Slimani e Adrien Silva. Mesmo assim, foram poucas finalizações com perigo, e os Leões precisam agora reverter o resultado na Alemanha.

O único time português a vencer no dia foi o Braga. Fora de casa, os Arsenalistas derrotaram o Sion por 2 a 1. O primeiro gol dos bracarenses saiu após lançamento longo de Pinto para Stojiljkovic, que acertou um chute forte no ângulo do goleiro Os suíços empataram no segundo tempo com Konate, que recebeu dentro da área, limpou a marcação e chute firme. Não demorou para os bracarenses voltarem a ficar na frente. Rafa recebeu ainda de fora da área, cortou para dentro e chutou bonito no cantinho.