Torcida

Torcida fez longas filas no Estádio Pituaçu (Foto: André Uzêda)

André Uzêda
16/11/2015
19:49
Especial para o LANCE! em Salvador (BA)

Com todos os 45 mil ingressos da Seleção Brasileira esgotados para a partida contra o Peru, nesta terça-feira, na Arena Fonte Nova, o torcedor baiano que não poderá comparecer ao duelo precisou pagar R$ 25 para ver de perto os jogadores brasileiros.

Na verdade, o ingresso vendido no Estádio Pituaçu, local da atividade, era para o show de Ivete Sangalo, que acontece mês que vem na Arena Fonte Nova. Assim,  quem adquirisse as entradas para a apresentação da cantora ganhava automaticamente acesso lao treino. E isso fez longas filas serem formadas.

O técnico Dunga só liberou os cerca de 15 minutos finais para que os presentes pudessem ver os jogadores de perto. Com a demora para a abertura dos portões, os torcedores baianos perderam a paciência e iniciaram um coro de vaia. As manifestações 'surtiram' efeito e a entrada foi liberada. 

Mas o que os fãs viram foi muito pouco. Apenas uma atividade com campo reduzido com mais cara de rachão do que de treino tático. Reservas e titulares se misturaram entre os times e não deu nem para 'pescar' uma provável escalação contra o Peru.

Ainda assim, para as "Neymarzetes", este pouco foi mais do que suficiente.

- Só de ver Neymar, só dele acenar pra mim já valeu minha vida - concluiu, em tons de exagero, Emily Vitória, de 15 anos.

Quem comemorou a vinda da Seleção à Bahia foi o ambulante Robson Ribeiro. Ele encomendou um lote de camisas para vender nesta segunda-feira na frente do estádio de Pituaçu e, nesta terça-feira, na Arena Fonte Nova.

Treino Seleção
Torcedores comparecem ao treino da Seleção no Pituaçú
Vendedor Seleção
Robson Ribeiro procura lucrar com o jogo da Seleção (Foto: André Uzêda)


- Botei cada camisa a R$ 50. Até agora têm saído poucas. Mas até amanhã espero vender todo o lote (de 60 camisas) - disse.