Terry - Chelsea x Everton

Diego Costa teve bom desempenho ao marcar e servir Fàbregas (Foto: JUSTIN TALLIS/AFP)

LANCE!
16/01/2016
15:02
Londres (ING)

Saiu o treinador, e o Chelsea permanece com os mesmos problemas. A diferença para os tempos sombrios de José Mourinho é que o time não perde. Mas também não ganha. Neste sábado, no Stamford Bridge, o novo comandante, Guus Hiddink, acumulou o quarto empate em cinco jogos no Campeonato Inglês. Os Blues, ao menos, conseguiram um 3 a 3 com o Everton depois de estar em desvantagem por 2 a 0 e 3 a 2. Terry foi de vilão a herói ao marcar contra e o gol salvador, nos acréscimos.

Com 25 pontos, o atual campeão segue estacionado na 14ª colocação da Premier League. Já os Toffees estão em 11º, com 29.

Depois de um primeiro tempo razoável, o Chelsea começou muito mal a segunda etapa. Aos cinco minutos, o experiente Terry completou cruzamento contra o próprio patrimônio e abriu o placar para o Everton. Logo depois, Mirallas fez o segundo dos visitantes, após um belo giro sobre dois marcadores.

O Chelsea, enfim, acordou, com o brilho da dupla Diego Costa-Fàbregas. O espanhol serviu o atacante, que descontou. Na jogada seguinte, o brasileiro de Lagarto (SE) retribuiu a gentileza e, de calcanhar, deixou o meia igualar o marcador.

No fim, Funes Mori, entrou na área sem marcação e deixou o Everton na frente. O Stamford Bridge não entrou em desespero. No último lance do jogo, Terry foi à frente e, impedido, meteu de letra para evitar a primeira derrota do técnico Guus Hiddink.