Barcelona x Arsenal

Suárez retorna à seleção uruguaia no jogo contra o Brasil (Foto: LLUIS GENE/AFP)

RADAR/POOL/LANCE!
17/03/2016
17:48
Barcelona (ESP)

A espera da torcida uruguaia para ver Suárez de volta à seleção está perto do fim. Afinal, o jogador retornara a equipe comandada pelo técnico Óscar Tábarez nos jogos diante de Brasil e Peru pelas Eliminatórias para a Copa de 2018. E o atacante não vê a hora de vestir a camisa celeste.

Em entrevista exclusiva ao 'El Observardor' do Uruguai, Suárez revelou que está tranquilo, mas não escondeu a ansiedade em poder defender novamente seu país após quase dois anos suspenso pela Fifa devido aos incidentes na partida diante da Itália na última Copa do Mundo.

- Estou curtindo esse momento. É algo que estou desejando faz tempo. Estou tentando controlar a ansiedade, que vai ser difícil. Mas estou tranquilo - disse.

Mesmo perto do fim da pena, Suárez não escondeu que a punição é algo que deixou marcar e incomoda o atacante uruguaio.

- Me trataram como um barrabrava (torcedor violento), porque me proibiram a ir em uma partida de futebol, aos treinos. É algo que não compreendi. Assumi meu erro, o que é normal as pessoas fazerem neste tipo de situação. Aceitei a suspensão, mas acho que foi muito dura - declarou.

Suárez aproveitou também para fazer muitos elogios ao técnico Óscar Tábarez. Na opinião do atacante, o treinador, que neste ano completa 10 anos no comando da seleção celeste, é o melhor profissional com quem já trabalhou.

- Tábarez é mais que um treinador, não só por sua postura, mas pela maneira como ajuda os jogadores. Sou uma das pessoas que sou muito grato a ele e para mim é o melhor treinador com quem já trabalhei - destacou.


Por fim, o uruguaio fez muitos elogios aos seus dois companheiros do trio MSN. Para Suárez, Messi e Neymar são os dois melhores jogadores do mundo na atualidade.

- Na minha opinião Messi é o melhor e o Neymar vem logo atrás. Sempre disse que são jogadores diferenciados. Messi inclusive tem tudo para seguir como o número 1 do mundo - declarou.