Suárez vem se entendendo muito bem com Neymar (Foto: Josep Lago / AFP)

Suárez vem se entendendo muito bem com Neymar (Foto: Josep Lago / AFP)

LANCE!
18/11/2015
11:25
Barcelona (ESP)

Sem Messi, Suárez e Neymar assumiram o protagonismo no Barcelona, com muitos gols, boas atuações e vitórias. A dupla foi importante para o clube e espantou de vez a ideia da 'Messidependencia'. Por este convívio mais intenso com o brasileiro neste período, o Pistoleiro pôde perceber ainda mais as qualidades já tão exaltadas do companheiro. Tanto que declarou que o camisa 11 do time catalão é melhor até que Cristiano Ronaldo.

- Está claro, como disse muitas vezes, que Leo está acima de qualquer jogador. Ney vive um momento espetacular e pode ser perfeitamente o segundo melhor do mundo, atrás de Leo. Está demonstrando isso nas últimas semanas. Fico orgulhoso e aproveito por ter um jogador assim ao lado - disse o uruguaio, em entrevista coletiva.

Suárez fez questão de afirmar que não há vaidade no trio ofensivo do Barcelona e que todos sabem que Lionel Messi é o melhor do mundo.

- A convivência a cada dia é melhor, não só dentro do campo, mas fora também. Ninguém quer ser melhor que o outro ou quer competir. Fazemos o melhor para equipe. Fico feliz quando Ney faz dois, três gols, e ele comigo. Sabemos que o melhor é Leo e entendemos isso

Outro motivo que Suárez tem para comemorar é o fim da punição de nove jogos imposta pela Fifa após mordida no zagueiro Chiellini, na partida entre Uruguai e Itália, ainda pela Copa do Mundo de 2014. O jogador estará livre para defender sua seleção. E a próxima partida da Celeste é justamente contra a Seleção Brasileira.

HOME - Barcelona x Villarreal - Campeonato Espanhol - Neymar e Suárez (Foto: Josep Lago/AFP)
Dupla vem destroçando adversários (Foto: Josep Lago/AFP)

- Vi com muita ansiedade de que terminassem os últimos jogos para terminar a punição. Agora, estou livre. Parabenizo meus companheiros pelo que fizeram, demonstraram que o Uruguai não depende de ninguém.

O Barcelona visita o Real Madrid neste sábado, no clássico mais aguardado do futebol espanhol. A dúvida é se Lionel Messi estará apto para voltar logo contra o maior rival. As questões de segurança que envolvem a partida, após os atentados terroristas de sexta-feira, em Paris, serão outro ponto de tensão do jogo.