Cavani e Suárez formam o ataque do Uruguai

Suárez fez o gol de empate do Uruguai contra a Seleção Brasileiro (Foto: AFP)

RADAR/LANCE!
26/03/2016
12:12
Recife (PE)

Após abrir 2 a 0 no início do primeiro tempo, o Brasil cedeu o empate para o Uruguai e por pouco não saiu derrotado da Arena Pernambuco, nesta sexta-feira. Isso porque Luis Suárez, autor do segundo gol da celeste, perdeu uma chance cara a cara com Alisson, depois de receber um “presente” de David Luiz aos 40 do segundo tempo. O astro uruguaio explicou o lance em que o goleiro brasileiro salvou com o pé.

- Fechei os olhos. A verdade é que já estava cansado... Mas o importante é que não perdemos e seguimos em frente. Tivemos méritos para levar a vitória. Este grupo já demonstrou muitas coisas, e esta foi uma a mais. Fico com a sensação de que peguei bem e a bola ficou ali, seria melhor se pegasse mal e entrasse - comentou ao canal de TV "Tenfield".

Suárez voltou a seleção uruguaia depois de quase um ano e meio suspenso por conta da mordida que deu em Chiellini, na Copa do Mundo de 2014. O atacante comemorou o retorno à Celeste e exaltou o fato de ter sido capitão contra o Brasil.

- É um orgulho ser capitão. Não é fácil, ainda mais nas circunstâncias em que cheguei. Mas é o que sempre busca quem trata de ajudar o time no que puder. Alguém consciente do protagonismo que pode ter hoje em dia, com ou sem a faixa de capitão. Se não fosse o apoio de minha mulher e dos meus filhos... - disse Suárez.