RADAR/LANCE!
25/11/2015
11:43
Barcelona (ESP)

O Barcelona voltou a encantar dentro de campo na última terça-feira, quando goleou a Roma por 6 a 1, no Camp Nou, pela Liga dos Campeões. A partida, como de costume, teve show do trio MSN. Suárez e Messi fizeram dois gols cada, Neymar perdeu um pênalti, mas foi outro que teve grande atuação. Os três criaram grandes jogadas de efeito, mostrando muito entrosamento. A fantástica vitória do Barça foi destaque nos jornais em diversos países.

O “Mundo Deportivo”, de Barcelona, estampou uma foto do tridente ofensivo do Barça com a manchete “Sh6mtime”. O jornal destacou que foi a segunda atuação espetacular com goleada seguida do time de Luis Enrique, já que bateu o Real Madrid por 4 a 0 no último sábado, pelo Espanhol. O mesmo tom usou o também catalão “Sport”, que destacou na capa “Outro Festival”.

Já os jornais de Madri, como era de se esperar, deram mais destaque ao jogo do Real contra o Shakhtar Donetsk, nesta quarta, pela Liga dos Campeões. No pouco espaço para o Barça, o “Marca” estampou a manchete “Futebol de Fantasia” e o “AS” colocou “O Barça continua a festa”.

Na Itália, os jornais não perdoaram a Roma. O “Corriere dello Sport” destacou a goleada em sua capa com o título “Roma Humilhada”, ressaltando que o time “não pode perder dessa forma”. Já o “La Gazzetta dello Sport” estampou “Surra Marciana”, destacando que “os romanos nunca estiveram no jogo e foram humilhados pelo Barcelona de outro planeta”.

Na Argentina, o “Olé” também deu grande destaque em sua capa à goleada do Barcelona. Com a manchete “Ataque de Pânico”, estampa a cara de pavor do goleiro da Roma após um gol de Messi e também usa a manchete para falar da situação do River Plate, que pode ser adversário do Barça no Mundial de Clubes. O jornal levanta diversas questões: “O River pode ganhar”, “Tem alguma chance no Japão?”, “Tem alguma forma de parar Messi, Suárez e Neymar?”.

O “Ovación”, sessão de esportes do “El Pais”, do Uruguai, também estampou o trio MSN em sua capa com a manchete “Insaciável”. O jornal também destaca que com os dois marcados com a Roma, Suárez se tornou o uruguaio com mais gols na Liga dos Campeões.