RADAR/LANCE!
23/02/2016
15:33
Avellaneda (ARG)

Depois de um empate dramático em 1 a 1 no superclássico de Avellaneda contra o Independiente pelo Argentino, o Racing faz nesta quarta-feira, às 19h30, a sua estreia na Libertadores-2016. Atuando em casa, no Estádio El Cilindro, o time enfrenta o Bolívar. O jogo é válido pelo Grupo 3.

Apenas uma vez as equipes se enfrentaram em Avellaneda pela Libertadores. Foi em 1967 e o resultado foi muito favorável ao Racing: 6 a 0. Para repetir o sucesso da partida realizada há 49 anos, o treinador Facundo Silva tem problemas. O Racing não começou bem o Argentino (duas derrotas e dois empates) e a torcida começa a pressionar por bons resultados.

Embora o time que estará em campo seja muito qualificado o treinador dificilmente contará com seu jogador mais perigoso. O atacante Bou, que desfalcou o Racing no clássico com o Independiente, segue sentindo uma lesão na perna e sua presença é quase impossível. Com isso, Lisandro Lopez (autor do gol do time no clássico de Avellaneda) deve ser mantido no time titular.

A escalação do Racing: Saja; Pillud, Lollo, Sánchez e Grimi; Acuña, Cerro, Aued, Camacho; Lisandro López  e Diego Milito 

Campeão boliviano, o Bolívar - que chegou na madrugada desta terça-feira em Buenos Aires após uma rápida adaptação ao nível do mar em Santa Cruz de La Sierra - espera anular o favoritismo do Racing. O atacante Juan Carlos Arce disse que é muito bom estrear fora de casa e fez uma análise sobre isso: 

- Estrear como visitante tem as suas vantagens, pois se conseguirmos pelo menos um ponto ganhamos motivação e damos um grande passo na luta pela classificação. Temos uma equipe equilibrada e podemos surpreender - disse Arce. 

O técnico Rúben Insua poderá contar com a volta do lateral Nelson Cabrera, que estava com uma lesão muscular e desfalcou o time na rodada passada do Boliviano. Com isso, ele escalará a sua força máxima: Quiñonez; Castro, Rodríguez e Cabrera; Valverde, Saavedra, Flores, Juanmi Callejón, Cardozo e Capdevila; Borghello.

O Grupo 3 terá o seu outro jogo também realizado nesta terça-feira. Na Colômbia, o Deportivo Cáli receberá o Boca Juniors.