Apresentação - Roma x Chelsea

Roma e Chelsea se enfrentam no Estádio Olímpico 

LANCE!
30/10/2017
17:20
Roma (ITA)

Roma e Chelsea duelam nesta terça-feira, às 17h45 (de Brasília), no Estádio Olímpico, pela quarta rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões. O jogo vale a liderança do Grupo C, que está embolado por conta do empate na ida, em Londres, em um dos melhores jogos desta edição da competição. Na outra partida da chave, o Atlético de Madrid recebe o Qarabag, no Wanda Metropolitano.

O Chelsea está com sete pontos na ponta da chave, com a Roma em segundo, com cinco. O Atlético soma apenas dois, com o Qarabag na lanterna, com um.

O técnico da Roma, Eusebio Di Francesco, afirmou, em entrevista coletiva nesta segunda-feira, que não vai mudar o jeito de a equipe atuar. Para o confronto contra o Chelsea, Bruno Peres foi vetado. Florenzi deve atuar em seu lugar. Schick também está fora. Por outro lado, Defrel e Manolas são dúvidas.

- Nós jogamos de acordo com a nossa identidade, e é assim que vamos atuar diante do Chelsea em casa. A mentalidade deve ser a mesma, como eu disse depois do jogo em Londres contra o Chelsea: tem que ser um ponto de partida para nós - declarou o treinador.

Nainggolan e Di Francesco - Roma
Nainggolar concedeu coletiva (Foto: Filippo Monteforte / AFP)

O meia Nainggolan espera uma partida complicada e promete respeito com o Chelsea.

- Se ganharmos, daremos um grande passo para a classificação, mas estamos estudando cada jogo. Nós podemos fazer melhor, porque se você está apenas ganhando jogos por 1 a 0, então você tem o risco de levar o empate. Mas sabemos que estamos indo muito bem e podemos melhorar nosso ataque, mas estamos desfrutando cada vitória - disse o meia:

- O Chelsea conseguiu alguns bons resultados desde então e você sempre tem que respeitá-los. Jogamos bem lá, estávamos perdendo por 2 a 0 e quase saímos com uma vitória, mas certamente eles são uma ótima equipe. Estaremos em casa, com o Estádio Olímpico cheio, e esses fatores são importantes para a Roma.

No Chelsea, o discurso é de otimismo. O técnico Antonio Conte revelou, em entrevista coletiva, que terá à disposição o volante Kanté, assim como Drinkwater. Por outro lado, Moses segue fora do time. Contra a Roma, o treinador espera mais uma partida complicada.

Conte - Chelsea
Conte deve ter a volta de Kanté (Foto: Alberto Pizzoli / AFP)

- Eu acho que a partida em Stamford Bridge foi emocional. Quando termina 3 a 3, isso significa que houve um desejo e determinação de ambos os lados para ganhar o jogo. No final, o resultado foi justo. Amanhã (terça-feira) será outro jogo, a Roma é um adversário difícil e teremos que dar o que temos de melhor - comentou Conte, antes de avaliar o grupo do Chelsea:

- O nosso grupo é muito difícil com o Atlético de Madri e Roma, duas equipes muito fortes. Vamos tentar nos manter no topo da chave, pois estamos buscando ficar bem em todas as competições nesta temporada. Esta semana, avançamos na Copa da Liga Inglesa contra o Everton e ganhamos no Campeonato Inglês. Agora, é a vez de enfrentar a Roma, um adversário complicado e que vem em grande fase. É importante superar esse período.

SÓ A VITÓRIA INTERESSA AO ATLÉTICO

Após empatar no Azerbaijão e se complicar no Grupo C da Liga dos Campeões, o Atlético de Madrid recebe no Wanda Metropolitano o Qarabag, às 17h45 (de Brasília) desta terça-feira. Só a vitória interessa para o Colchonero seguir com chances de classificação às oitavas de final.

A equipe espanhola treinou nesta segunda-feira no Vicente Calderón, estádio que foi a casa da equipe até a última temporada. Para o torcedor, que os bons fluidos do estádio deem uma sobrevida ao Colchonero na Liga dos Campeões. 

O técnico Diego Simeone não terá o meia Koke e o atacante Carrasco, que não se recuperaram de problemas físicos e não foram relacionados para a partida.