RADAR/LANCE!
29/11/2016
12:59
Rio de Janeiro (RJ)

Uma das piores tragédias esportivas tem ecoado com muita lamentação na imprensa mundial. Nesta terça-feira, versões digitais de jornais mundo afora repercutiram a tragédia envolvendo o voo da Chapecoense, que partia de São Paulo para Medellin, fazendo escala em Santa Cruz de la Sierra (BOL). 

O diário francês "Le Monde", por exemplo, tratou a Chapecoense como "Leicester brasileiro" ao explicar a ascensão da equipe num curto período de tempo. O esportivo "L'Equipe", outro da França, também retrata o caso com ressalto.

Já o espanhol "Marca", que é de Madri, dá grande destaque, principalmente, a Cléber Santana, que era capitão do Verdão do Oeste e está na lista dos 75 falecidos no acidente. O volante atuou com a camisa do Atlético de Madrid na temporada 2007/08 e em 2010.

Além dos dois jornais citados, os principais veículos do mundo destacaram a tragédia ocorrida antes de o avião tentar pousar no aeroporto José Maria Córdoba, nos arredores de Medellín, às 22h15, no horário da Colômbia, 1h15, horário de Brasília. Confira na galeria acima.