HOME - Shakhtar Donetsk x Real Madrid - Liga dos Campeões - Cristiano Ronaldo (Foto: Sergei Supinsky/AFP)

Cristiano Ronaldo chega a sete gols na Champions, 84 em toda história da competição  (Foto: Sergei Supinsky/AFP)

LANCE!
25/11/2015
19:37
Lviv (UCR)

Um resultado que não fosse a vitória sobre o Shakhtar Donetsk desencadearia em outra grave crise no Real Madrid neste ano. Atropelados pelos Barcelona no último sábado, os Merengues foram a campo sob uma desconfiança que poderá começar a ser superada com o triunfo sobre os ucranianos por 4 a 3, nesta quarta-feira, em Lviv, pela penúltima rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões da Europa.

Classificado para as oitavas de final antes de a bola rolar, o Real Madrid chega a 13 pontos no Grupo A e garante a liderança com uma jornada de antecipação. O Shakhtar Donetsk, por sua vez, terá de se contentar com a disputa do terceiro lugar e consequentemente com a vaga na Liga Europa.


O Real Madrid não foi brilhante, mas teve uma atuação satisfatória dado a superioridade sobre o rival. No fim, um "apagão" que quase custa a vitória merengue. 

Depois de uma enxurrada de críticas por levar quatro do Barça, o técnico Rafael Benítez, desta vez, não se arriscou e protegeu melhor a defesa, recolando o volante Casemiro no time titular. Com a formação mais "conservadora", o goleiro Kiko Casilla teve uma jornada de trabalho bem monótona.

O primeiro gol do Real Madrid nasceu em jogada de inteligência e rapidez. Aos 18 minutos do primeiro tempo, Modric enfiou para Bale, que centrou para Cristiano Ronaldo escorar para o gol.

No início da segunda etapa, o Real Madrid partiu logo para cima para resolver a parada. Aos cinco minutos, Modric recebeu de Cristiano Ronaldo e fez belo gol. Pouco depois, aos sete, o lateral-direito Carvajal entortou o brasileiro Marcio Azevedo e colocou por cobertura. O Shakhtar Donetsk já estava batido. Cristiano Ronaldo ainda ampliou o placar, anotando o sétimo nesta Champions e se isolando na artilharia da competição.

Alex Teixeira descontou, ao acertar cobrança de pênalti. Dentinho, de peito, fez mais um.  A torcida local começou a sonhar...

Para quem achou que estava resolvido, Alex Teixeira marcou mais um para os ucranianos e colocou fogo numa temperatura de quatro graus negativos. Um risco desnecessário que o Real Madrid sofreu.

Malmo x PSG (Foto:AFP)
Ibrahimovic marcou contra o ex-clube (Foto:AFP)



Nesta quarta-feira, o atacante Ibrahimovic reencontrou o estádio do clube que o projetou para o futebol. Como retribuição, o craque sueco brilhou e marcou um dos gols do Paris Saint-Germain na vitória sobre o Malmo por 5 a 0. Rabiot, Di María (duas vezes) e Lucas Moura ampliaram para os franceses.

O Paris Saint-Germain chega a dez pontos no Grupo A e se junta ao Real Madrid nas oitavas de final. O Malmo, ex-time de Ibra, fica com três, sonhando com a Liga Europa.