Pedro Henrique e Vrrsaljko - Qarabag x Atlético de Madrid

Brasileiro Pedro Henrique marca o lateral Vrsaljko (Foto: Alexander Nemenov / AFP)

LANCE!
18/10/2017
15:54
Baku (AZE)

O Atlético de Madrid se complicou no Grupo C da Liga dos Campeões. O Colchonero foi ao Azerbaijão e apenas empatou com o Qarabag em 0 a 0, em uma jornada muito pouco inspirada de seus jogadores.

E o empate foi histórico para o Qarabag. Foi o primeiro ponto conquistado pelo time do Azerbaijão em uma fase de grupos da Liga dos campeões.

Com o resultado, o Atlético de Madrid segue em terceiro no Grupo C, agora com dois pontos. O Qarabag tem um. A liderança é do Chelsea, com seis, seguido pela Roma, com quatro. Ingleses e italianos ainda se enfrentam nesta quarta-feira.

O Atlético de Madrid não encontrou a facilidade que era esperada diante do Qarabag. Muito pelo contrário. A equipe do Azerbaijão fechou bem os espaços e deu muito trabalho nos ataques à defesa colchonera. Não era raro ver os jogadores do time da casa no campo ofensivo, principalmente em contragolpes.

Apesar de rondar a área do Atlético, o Qarabag não teve uma finalização com muito perigo na primeira etapa. Por outro lado, os espanhóis quase marcaram em chute de Griezmann, que o goleiro Sehic tirou com um pé. O atacante francês se movimentava de um lado para o outro, mas não se entendia bem com o compatriota Gameiro.

Griezmann - Qarabag x Atlético de Madrid
Griezmann não foi bem pelo Atlético (Foto: Alexander Nemenov / AFP)

A falta de criatividade permaneceu no Atlético de Madrid no segundo tempo. Para piorar, o Qarabag passou a administrar a posse de bola e criar ainda mais perigo ao gol de Oblak. Em um lance, quase marcou, se não fosse a travada na hora certa do lateral Filipe Luís. Griezmann chegou a abrir o placar, mas estava em impedimento.

O Qarabag foi melhor em campo na etapa final até a expulsão de Ndlovu, aos 30 minutos. Com um a menos, a equipe se fechou e viu o Atlético de Madrid crescer. No entanto, os espanhóis seguiam sem inspiração e abusaram das bolas levantadas na área, que não levaram muito perigo à meta de Sehic. Os jogadores ainda pediram um pênalti em Fernando Torres, que iria cabecear livre e acabou deslocado. 

No fim, o Qarabag chegou duas vezes em contra-ataques e quase deixou o Atlético de Madrid em situação pior na Liga dos Campeões.