Paris Saint-Germain x Caen

Ibrahimovic fez dois gols sobre o Caen (Foto: AFP)

LANCE!
16/04/2016
13:51
Paris (FRA)

A eliminação para o Manchester City na Liga dos Campeões parece ter ficado para trás no PSG. Neste sábado, o já campeão francês recebeu o Caen e fez 6 a 0, com show do setor ofensivo. Ibrahimovic (2), Matuidi, Cavani, Di María e Maxwell marcaram os gols do massacre.

O resultado coloca o PSG com incríveis 86 pontos no Campeonato Francês, faltando ainda quatro rodadas para o fim do torneio. O Caen segue no meio da tabela, com 46, na nona posição.

O técnico Laurent Blanc decidiu poupar alguns jogadores de olho nas semifinais da Copa da França, na próxima terça, diante do Lorient. Desta forma, o setor defensivo não contou com David Luiz, Trapp, Thiago Silva e Aurier. Thiago Motta e Verratti também foram poupados.

Paris Saint-Germain x Caen
Ibrahimovic tenta lance de ataque do PSG (Foto: AFP)

No Parque dos Príncipes, Blanc apostou em um time bastante ofensivo, com Ibra, Cavani, Lucas e Di María como titulares. Com tantos jogadores de qualidade em campo, o primeiro gol não demoraria a sair.

Di María puxou contra-ataque e tentou o passe para Ibra. O zagueiro se antecipou, mas cortou mal. A bola voltou para o argentino que, enfim, deixou para o atacante. O chute de fora da área foi no meio do gol, e o goleiro Vercoutre aceitou.

O PSG continuava em cima, querendo a todo custo liquidar a fatura. E não teve dificuldades para isso. Com total domínio da posse de bola, as chances eram desperdiçadas aos montes. Cavani e Matuidi perderam oportunidades incríveis. O Caen quase empatou em dois lances consecutivos. Stambouli tirou em cima da linha em um deles, na outra Sirigu fez linda defesa.

No fim do primeiro tempo, Matuidi se redimiu e aproveitou bom passe de Ibrahimovic para fazer o segundo. Mal rolou a bola na etapa final e Cavani fez o terceiro. O atacante sueco ganhou a jogada pela direita e rolou para Matuidi. O meia não foi fominha e tocou para o uruguaio ampliar.

O jogo estava fácil. Aos sete minutos, a defesa do PSG deu chutão, Ibra desviou e a bola ficou limpa para Di María. Com extrema categoria, o argentino deu uma cavadinha magistral e tirou do goleiro. Um golaço.

O quinto sairia aos 11. Kurzawa cruzou na medida e Ibrahimovic, de primeira, fez o seu segundo na partida, o 32º no Campeonato Francês. A partir de então, Blanc passou a poupar alguns jogadores. Matuidi e Di María deixaram o campo, para as entradas de Maxwell e Ongenda. E o brasileiro fez o sexto. Atuando no meio de campo, ele recebeu de Cavani e fechou o placar elástico.