Aston Villa

Torcida do  Aston Villa protesta contra o time (Foto: Oli Scarff / AFP)

LANCE!
13/04/2016
12:58
Birmingham (ING)

Nem um milagre deve salvar o Aston Villa do rebaixamento no Campeonato Inglês. Somente uma combinação para lá de improvável tiraria o tradicional clube da Segunda Divisão. Diante da iminência da queda, a equipe cancelou a premiação de melhor jogador da temporada.

- O clube não terá a premiação de melhor jogador do ano ao final desta temporada. Nas atuais circunstâncias, estamos certos de que os torcedores irão entender - revelou um porta-voz do clube.

A situação é para lá de desesperadora. Lanterna da Premier League com apenas 16 pontos e três vitórias em 33 partidas, o time de Birmingham precisa vencer os últimos cinco jogos que fará, torcer por derrota do Norwich em todos os confrontos que fizer e ainda tirar uma diferença de 19 gols de saldo.

Acha pouco? A equipe precisa torcer ainda para que Sunderland não faça mais de quatro pontos (em seis jogos) e o Newcastle, seis. Além de tirar saldo de gols.

E a tabela para o Aston Villa também não é nada favorável. Na próxima rodada, a equipe vai visitar o Manchester United, que ainda briga por Liga dos Campeões, no Old Trafford. Depois recebe o Southampton, em Birmingham. Volta a sair para enfrentar o Watford. Tem um jogo de seis pontos contra o Newcastle, em casa. Se ainda tiver chances de escapar, vai ao Emirates encarar o Arsenal.

Atualmente, o Aston Villa está com Eric Black como técnico interino até o fim da temporada, dese que Remi Garde deixou o clube no último mês.