LANCE!
01/02/2016
13:10
Manchester (ING)

Na temporada passada, já existia a especulação de Pep Guardiola iria para o Manchester City. Mesmo que fosse em 2016/17, como de fato vai seri. Porém, tudo esfriou com a renovação de contrato de Manuel Pellegrini. Após o anúncio do técnico espanhol, o chileno fez questão de vir a público negar que tenha sido passado para trás, e garantiu que o clube nunca agiu incorretamente com ele.

- Eu conversei com o clube e vou encerrar o meu contrato na data original (junho de 2016). Eu assinei por um ano a mais (que seria até 2017), mas havia uma cláusula de que eu ou o clube poderíamos optar por não utilizar esse prolongamento. Então, eu termino no dia 30 junho, assim encerra a especulação - disse Pellegrini em entrevista coletiva, ainda antes de o City anunciar Guardiola:

- O clube não está fazendo nada nas minhas costas, eu sabia disso já há um mês, mas não acho que é bom existir rumor ou especulação sobre essas coisas, então prefiro acabar com isso hoje. Eu também falei com o clube há duas semanas e disse que iria fazer isso.

O treinador, agora, está livre no mercado, e também já é alvo de especulações. O seu nome já foi ligado logo ao Chelsea, que demitiu José Mourinho no meio desta temporada e contratou Guus Hiddink como interino, apenas até junho.

Contratado em 2013 para o lugar de Roberto Mancini, Manuel Pellegrini vinha de um bom trabalho, embora sem títulos, no Málaga. Logo em sua primeira temporada na Inglaterra conquistou o "double": a Premier League e a Copa da Liga Inglesa. Em seu segundo ano, ficou sem títulos, e a pressão após fracassos em nível internacional aumentou.

Agora, encerra o seu compromisso, mas ainda está vivo na Liga dos Campeões - vai pegar o Dínamo de Kiev nas oitavas de final -, na Copa da Liga - está na decisão contra o Liverpool -, na Copa da Inglaterra - pega o Chelsea nas oitavas de final -, e é o vice-líder da Premier League com 44 pontos, três a menos que Leicester.