Apresentação - Equador x Venezuela

Equador quer confirmar a força que vem mostrando em casa, mas uma das poucas derrotas foi para a Venezuela

LANCE!
14/11/2016
17:01
Quito (EQU)

Com a intenção de voltar a figurar perto do topo da tabela das eliminatórias sul-americanas, o Equador receberá a empolgada Venezuela. Enquanto time da casa vem de derrota e começa a ver a vaga entre os quatro primeiros ameaçada, os visitantes chegam após aplicarem uma sonora goleada por 5 a 0 sobre a Bolívia, deixando a última colocação do torneio. As equipes se encaram nesta terça, às 19h (de Brasília), no Estádio Olímpicos Ahahualpa, com transmissão em Tempo Real pelo site do Lance!

Os comandados do técnico Gustavo Quinteros querem reencontrar o caminho da vitória e, de quebra, voltar às primeira colocações - que já ocoupou em outrora. Para isso, o treinador poderá contar com o retorno de Énner Valencia, que atua no Everton (ING). O atacante teve de cumprir suspensão na última rodada. A dúvida, porém, é em qual região do campo ele atuará, uma vez que Quinteros testou o jogador em diversas posições.

A princípio, é provável que ele entre na vaga de Miller Bolaños, tendo como companheiro mais adiantado Felipe Caicedo. De acordo com o próprio jogador, a estratégia de jogo usada na seleção e no Everton são bem parecidas, o que pode facilitar bastante o trabalho.

- Na minha equipe, sou novo. Creio que é a mesma posição que já jogo aqui. Koeman (técnico do Everton) e Quinteros me pedem a mesma coisa: movimentação e fazer as diagoneia. Nisso, eles têm a mesma ideia - disse Valencia, que pediu máxima atenção ao Equador:

- A Venezuela será um rival complicado. Temos trabalhado bem e sabemos que esses pontos serão importantes para terminar o ano bem.

Já a equipe venezuelana, tenta a segunda vitória consecutiva, após bater a Bolívia por 5 a 0, na última rodada, e deixar a lanterna das eliminatórias sul-americanas. Apesar da força que o Equador tem em casa, o time comandado por Rafael Dudamel vai buscar os três pontos e tem como talismã uma estatística recente: nos últimos quarenta jogos que o Equador fez em que foi mandante, apenas quatro derrotas, porém, uma justamente para a Venezuela, em 2007, com gol de José Manuel Rey.

Para este desafio, Dudamel ainda tem uma dúvida: o lateral-esquerdo Rolf Feltscher, que acusou um desconforto muscular. Caso ela não tenha condições de atuar, o treinador tem três opções, Rubert Quijada, uma das novidades da convocação e que normalmente joga na posição, Mikel Villanueva , que jogou no meio contra a Bolívia, mas os seus primeiros passos com a seleção foram na lateral esquerda, e Roberto Rosales, que perdeu posição no lado direito e já atuou na ala esquerda no passado.

FICHA TÉCNICA
EQUADOR X VENEZUELA


Local: Estádio Atahualpa, Quito
Data/hora: 15/11/2016 - 19h (de Brasília)
Árbitro: Roberto Tobar (CHI)

EQUADOR: Esteban Dreer; Juan Carlos Paredes, Gabriel Achilier, Frickson Erazo e Walter Ayoví; Christian Noboa, Jefferson Orejuela e Alex Ibarra; Marcos Caicedo; Enner Valencia e Felipe Caicedo. Técnico: Gustavo Quinteros

VENEZUELA: Daniel Hernández; Alexander González, Oswaldo Vizcarrondo, Mikel Villanueva e Rubert Quijada (Rosales); Renzo Zambrano, Tomás Rincón, John Murilo e Romulo Otero; Jacobo Koufati e Josef Martínez. Técnico: Rafael Dudamel