Bola de Ouro - Neymar

Neymar está pela primeira vez entre os três melhores do mundo (Foto: AFP / FABRICE COFFRINI)

LANCE!
11/01/2016
13:55
Zurique (SUI)

Finalista do troféu de melhor jogador do mundo pela primeira vez, o atacante Neymar é o "estranho no ninho" na edição atual da Bola de Ouro de Fifa. Nesta segunda-feira, dia da cerimônia da entidade, o craque brasileiro manteve a postura humilde diante de Messi e Cristiano Ronaldo, dois nomes que estão na premiação há quase uma década.

- Entre os que vi jogar, Messi e Cristiano Ronaldo são os dois melhores. São espelhos para mim. Desejo toda sorte do mundo a eles. A carreira de Cristiano acompanhei de longe, mais pela televisão. Já com Messi, convivo todo dia. Passei a admirá-lo também fora de campo. Sou apaixonado por ele (risos). Pela pessoa que é. Minha meta é ser como os dois. Quero buscar os mesmos recordes - disse o camisa 11 do Barcelona, durante entrevista coletiva realizada na sede da Fifa, em Zurique.

Outra questão é saber quando Neymar será o número 1 do planeta. Muitos falam que o ex-santista será o sucessor de Messi. Mas o brasileiro trata o assunto com muita cautela e segue com a postura modesta ao se comparar aos outros dois postulantes à Bola de Ouro.

- Não sei se estou no nível deles. Acompanho os dois desde pequeno. São dois ídolos. Não quero ser melhor do que ninguém. Quero ser melhor do que eu mesmo. É uma honra dividir o palco com Messi e Cristiano Ronaldo - completou o atacante brasileiro.

Neymar disputa com o companheiro Messi e Cristiano Ronaldo, do Real Madrid, o prêmio de melhor do mundo. O troféu será entregue pela Fifa em evento a partir de 15h30 (horário de Brasília) desta segunda-feira. Em 2015, ao lado do argentino, o craque conquistou o Campeonato Espanhol, a Copa do Rei, a Liga dos Campeões, a Supercopa Europeia e o Mundial de Clubes.