Golaço do Neymar

Neymar é o atual artilheiro do Campeonato Espanhol  (Foto: AFP)

LANCE!
30/11/2015
20:58
Barcelona (ESP)

Dia de festa para Neymar. O atacante do Barcelona, além de ter se tornado um dos três finalistas ao prêmio de melhor do mundo da Fifa, ele também foi protagonista da premiação dos melhores da temporada espanhola 2014/2015, cerimônia realizada na noite desta segunda-feira, em Barcelona, pela Federação Espanhola. O brasileiro ganhou o prêmio de melhor jogador sul-americano, superando dois pesos pesados: Suárez e James Rodríguez.

- É uma noite muito feliz e não escondo a alegria, agradeço a todos os companheiros do Barcelona e quero que todos desfrutem desta festa, disse Neymar ao receber o troféu.


Neymar chegou para a cerimônia causando impacto com um terno moderninho bem justo, chapéu e gravata vermelha. Logo foi perguntado sobre a sua presença entre os três finalistas para o prêmio de melhor do mundo da Fifa.

- O que posso dizer é que é uma honra estar ao lado de Messi e Cristinao Ronaldo nesta disputa. Já estou feliz por estar na final - disse, completando que está preocupado com a renovação de seu contrato.

- Me vejo renovando.

Curiosamente, Neymar não ficou entre os finalistas da posição de atacante. Viu das poltronas o seu companheiro Lionel Messi ser o escolhido. O argentino deixou para trás Cristiano Ronaldo e Luiz Suárez.

- Quero agradecer a Liga por este prêmio e quero lembrar o Suárez. Ele merece este troféu tanto quanto eu - disse Messi, apontando para o uruguaio e sendo muito aplaudido.

Logo em seguida, Messi voltou a subir ao palco para receber o prêmio principal, o de melhor jogador. A Pulga arrancou risos no seu discurso:

- É uma honra para mim ser capaz de receber este prêmio com tantos jogadores importantes. Este troféu, em particular, quero dedicar ao meu filho Thiago , que cada vez que eu saio de casa fica com raiva e dez " Vai de novo querer fazer gol?. Ele agora não vai entender muito essa dedicatória. Mas um dia entenderá .

Cristiano Ronaldo não compareceu á festa, mas não saiu com as mãos abanando. Foi dele o prêmio de melhor jogador por votação popular. Como CR7 não compareceu, Sérgio Ramos recebeu o troféu.

O evento foi marcado por homenagem ao meia Xavi e além de Neymar e Messi, o Barcelona - que foi o campeão da temporada - também ganhou o troféu de melhor técnico e melhor goleiro. O técnico Luis Enrique era pule de dez. Ele levou e não viu a zebra aparecer, superando as surpresas Fran Escribá (Getafe) e Unai Emery (Sevilla). O goleiro Bravo superou os dois outros finalistas: o brasileiro Diego Alves (Valencia) e Sergio Asenjo (Villarreal).

- Estar aqui é um privilégio e ganhei um prêmio muito grande, pois os goleiros cumprem uma função que muitos poucos conseguem fazer - disse o chileno Bravo, que fecha uma temporada de ouro, ganhando todos os títulos, incluindo a Copa América.

O vice-campeão Real Madrid também foi protagonista, já que levou para casa, além do prêmio de CR7, os de melhor defensor (para Sérgio Ramos) e melhor meia (James Rodríguez).

Sérgio Ramos superou Otamendi (que era do Valencia e agora defende o Manchester City) e Piqué do Barcelona e seu conhaheiro de zaga na seleção espanhola.

- Só tenho a agradecer este premio de melhor defensor da melhor Liga do mundo - disse.

A disputa de melhor meia foi entre Iniesta (Barcelona) Griezmann (Atlético) e James Rodríguez. E deu o colombiano.

- Quero agradecer aos meus companheiros, que sempre estão sempre me ajudando em campo. O prêmio também é deles - disse James.