Guardiola e Mourinho

Mourinho e Guardiola se enfrentam na Inglaterra pela primeira vez neste sábado (Foto: JUAN MEDINA)

LANCE!
07/09/2016
19:19
Manchester (ING)

A Premier League está apenas em sua quarta rodada, mas está prestes a pegar fogo. Neste sábado, às 8h30 (de Brasília), acontece o primeiro clássico da cidade de Manchester, que colocará frente a frente José Mourinho e Pep Guardiola no Old Trafford.

Ainda é cedo para dizer qual dos dois treinadores conseguirá se sair melhor no cargo, mas a pré-temporada, contratações e o início do Campeonato Inglês já dão um gostinho do que será o ano. Especialistas do LANCE! opinaram sobre a disputa entre os técnicos e disseram qual deles já está mais no controle do time.

Eduardo Tironi, colunista do LANCE!

- Ainda não tivemos tantos jogos no Campeonato Inglês, então é muito cedo para avaliar, mas o Manchester City parece já ter alguma cara do Guardiola. Mas é cedo.

Marcelo Bechler, colunista do LANCE!

- Acho que o Mourinho tem mais o controle do Manchester United hoje por um motivo bem simples. O Guardiola mexe muito no time, faz uma mudança maior na cabeça e na mentalidade do time e isso leva mais tempo. É diferente o Mourinho chegar com uma fórmula que já é conhecida há muito tempo no futebol, faz melhor que outros técnicos, mas é a mesma. O trabalho do Mourinho, nesse início é mais fácil.

Mario Marra, colunista do LANCE!

- O campeonato ainda está muito no início e ainda é muito distante da realidade do fim da competição. Pensando em comando e no jeito de jogar, me agrada mais o City de Guardiola. Mesmo sofrendo no início, ele transformou fez o time ficar mais leve, mais competitivo. Colocou Navas de um lado e Sterling do outro e é uma equipe muito rápida quando tem a bola. United é um time mais cascudo, experiente. Vale destacar que o Guadiola afastou o Yaya Touré do time, que era um líder técnico, ninguém imaginava o time sem ele. Schweinsteiger também foi afastado do United e era um jogador que não foi titular o tempo todo por conta das lesões.

Os dois já começam a colocar sua manguinhas de fora de só trabalhar com quem eles querem. O Mourinho, até no primeiro jogo, que ganhou bem do Bournemouth, foi meio ilusório. Gol com bola mal atrasada, bobeadas. Vejo que o time está tendo encaixe e é perigoso, mas me parece longe do ideal que ele quer.