Maxi

Maxi López ignora Icardi. Até 2013, atacantes eram os melhores amigos (Repridução do YouTube)

LANCE!
04/04/2016
15:32
Milão (ITA)

Rivais dentro e fora de campo, os atacantes argentinos Maxi López e Icardi voltaram a se encontrar neste domingo, durante a vitória do Torino sobre a Inter de Milão por 2 a 1, de virada, no San Siro, pelo Campeonato Italiano. O nome da desavença dos compatriotas chama-se Wanda Nara, modelo argentina de 29 anos.

Na hora das saudações, antes de a bola rolar, Maxi López, do time visitante, se recusou a cumprimentar Icardi, colocando as mãos nas próprias genitais e ignorando completamente o ex-amigo.


- Infelizmente, essas coisas acontecem, isso depende da ignorância de certas pessoas. Eu dei a minha mão, eu sou educado - afirmou Icardi, que levou a pior nas quatro linhas, apesar de abrir o marcador, em cobrança de pênati.

Maxi
Maxi e Icardi no fatídico verão de 2013 (Reprodução do Twitter)


A relação de ambos começou a ruir em 2013, quando o trio saiu de férias junto. Na época, os atacantes eram companheiros na Sampdoria. Naquele momento, Wanda acabou trocando Maxi López por Icardi, despertando a ira do ex-jogador do Grêmio e do Barcelona.

Em seguida, em janeiro do ano seguinte, para aumentar a rivalidade, Icardi, já na Inter de Milão, ainda tatuou a imagem dos três filhos do jogador do Torino com a modelo.

- Eu amo estes três pequenos anjos - escreveu Icardi na legenda da foto.

Desde então, sempre se encontram em campo, os dois se provocam.