LANCE!
23/05/2018
14:50
São Paulo (SP)

Real Madrid e Liverpool se enfrentam pela final da Liga dos Campeões, no próximo sábado, em Kiev (UCR). E a equipe espanhola terá a chance de se tornar o primeiro clube a ser tricampeão consecutivo da Liga desde 1974/75/76 (Bayern de Munique) caso vença os Reds. Nas últimas cinco edições do torneio, os madrilenhos chegaram em quatro decisões (2013/14, 2015/16, 2016/17 e 2017/18), venceram as três já disputadas, com nove gols marcados e apenas três sofridos. As vítimas foram o Atlético de Madrid, por duas vezes, e a Juventus, na última edição. Liderado por Cristiano Ronaldo, o poder ofensivo do Real já provou ser fora de série, um desafio e tanto para a equipe inglesa.

Às vésperas da grande decisão da Liga, o LANCE! detalha cada gol marcado pelos espanhóis nessas três finais disputadas. Relembre abaixo...

Real Madrid 4 x 1 Atlético de Madrid (prorrogação) - 2013/14
Em duelo tenso, emocionante, com muitos gols e vibração, a partida em Lisboa, no Estádio da Luz, terminou empatada em 1 a 1 no tempo normal. Perdendo até o último minuto, o Real Madrid buscou o empate em um escanteio cobrado com perfeição por Modric e o zagueiro Sérgio Ramos, subiu mais que qualquer um na grande área e cabeceou para o fundo das redes, levando a decisão para a prorrogação.


E logo aos quatro minutos, Di Maria recebeu a bola de Morata no meio de campo e fez bela jogada até a área adversária, passando por dois defensores atleticanos e fazendo a finalização para bela defesa de Courtois. O goleiro não conseguiu segurar e a bola acabou sendo rebatida para a cabeça de Bale, que não perdeu a oportunidade e virou a partida.

Minutos depois, foi a vez do brasileiro Marcelo aumentar a vantagem. A jogada começou justamente com o lateral, que tabelou com Cristiano Ronaldo e teve espaço para avançar até a entrada da grande área, quando chutou com força e marcou o terceiro da equipe. Aos 15 minutos da etapa final, Cristiano Ronaldo foi derrubado dentro da área e o juiz marcou pênalti. O próprio português chamou a responsabilidade e converteu a cobrança.

Real Madrid 1(5) x (3)1 Atlético de Madrid (prorrogação) - 2015/16
No San Siro, o clássico de Madrid mais uma vez foi repleto de emoções. Logo aos 15 minutos do primeiro tempo, Kroos cobrou falta alçando a bola na área, Bale desviou de cabeça e Sérgio Ramos, impedido, tocou na saída de Oblak abrindo o placar da decisão.


Com o gol de empate sofrido no segundo tempo, a partida foi para prorrogação e, depois, para a disputa de pênaltis.

O Real demonstrou segurança e confiança nas penalidades. Lucas Vásquez, Marcelo, Bale, Sérgio Ramos e Cristiano Ronaldo converteram as cobranças, e conta do pênalti desperdiçado por Juanfran, lateral do Atlético, o título mais uma vez ficou com o maior campeão da Champions. A 11ª taça na época.

Real Madrid 4 x 1 Juventus (2016/17)
Em Cardiff, no País de Gales, pela segunda vez consecutiva o Real Madrid chegou à decisão da Liga, mas dessa vez o duelo foi contra a Juventus. Aos 20 minutos da etapa inicial, Cristiano Ronaldo tabelou com Carvajal e o próprio português colocou a bola no fundo das redes, abrindo o placar da final.


O segundo gol dos espanhóis veio apenas no segundo tempo. Kroos finalizou da entrada da grande área mas a zaga da Juve afastou. Porém a bola foi em direção a Casemiro, que não pensou duas vezes e chutou de longe, contando ainda com um leve desvio até chegar ao gol de Buffon. 

O Real continuou pressionando e estava próximo do terceiro gol, que foi consequência. Carvajal tocou para Modric com profundidade e o croata cruzou para o meio da área e mais uma vez, Cristiano Ronaldo, muito bem posicionado, marcou o terceiro da equipe e o segundo dele no jogo. Já nos minutos finais, Marcelo fez bela jogada na linha de fundo e tocou para Asensio encerrar a goleada. 4 a 1 com o clube de Madrid avassalador.