Luxemburgo, técnico do Flamengo (Foto: Gilvan de Souza)

Luxemburgo criticou a postura de Cristiano Ronaldo (Foto: Gilvan de Souza)

LANCE!
06/01/2016
10:20
Madri (ESP)

Em sua extensa carreira como treinador, Vanderlei Luxemburgo teve a experiência de comandar o Real Madrid, uma das potências do futebol mundial. Entre os seus pupilos estava nada menos que Zinedine Zidane, que assumiu na segunda-feira o time merengue. Experiente na função, Luxa deu um recado para que o francês tenha sucesso em sua missão: fazer com que Cristiano Ronaldo entenda que ele não é técnico.

- Zidane era um líder no vestiário quando era jogador. Desta forma, Cristiano deve saber que agora haverá uma pessoa com liderança e conhecimento ali. O vestiário é dos jogadores até certo ponto, porque a partir daí pertence ao treinador. Cristiano tem que entender que o técnico não é ele, mas o Zidane - alertou, ao jornal "Marca".

Luxa colocou como exemplo o rival Barcelona, que tem o craque Lionel Messi.

- O Barcelona é um bom exemplo ao mostrar que Messi é só um jogador. Messi é um astro, mas é só um jogador. Esse é o limite.

Luxemburgo comandou o Real Madrid de dezembro de 2004 a dezembro de 2005. Foram 45 jogos no comando do clube, com 28 vitórias e nenhum título conquistado. Recentemente, Luxa assumiu o Tianjin Songjiang, da China.