Balotelli vem desfalcando o Milan (Foto: Filippo Monteforte/AFP)

Balotelli perdeu espaço no time do Milan, onde atua por empréstimo do Liverpool (Foto: Filippo Monteforte/AFP)

LANCE!
20/02/2016
09:59

Enquanto alguns clubes estão vendo a China como grande bicho-papão desta janela de transferências, o Liverpool (ING) enxerga como uma possível solução. Com mais uma temporada de contrato com Mario Balotelli, o clube inglês não pretende utilizá-lo após o retorno de empréstimo ao Milan (ITA), vendo, assim, o crescente mercado chinês como um bom destino para o atacante. Segundo o jornal "The Sun", Billy Hogan, diretor-executivo do Liverpool, está no país asiático para algumas conversas de negócios e já estaria estudando também a chance de transferência do jogador.

O clube inglês já liberou Mino Raiola, empresário do atacante, a procurar novos clubes para ele. Ainda segundo a publicação, haveria um interesse inicial de um clube turco em Balotelli, que, na atual temporada, fez apenas 11 jogos e dois gols pelo Milan, perdendo espaço no time. A má fase, inclusive, teria afastado a possibilidade de uma assinatura de contrato definitivo com o clube italiano.

Financeiramente, a intenção do Liverpool seria conseguir, ao menos, cerca de 16 milhões de libras (aproximadamente R$ 92 milhões), visando recuperar o investimento feito na contratação do jogador, em agosto de 2014, à época no Milan.

O "The Sun" lembra que, recentemente, a China contratou alguns grandes nomes do futebol, como Lavezzi, que estava no PSG (FRA), Jackson Martinez, que estava no Atlético de MAdrid (ESP) e os brasileiros Ramires, ex-Chelsea (ING), e Alex Teixeira, que defendia o Shakhtar Donetsk (UCR) e chegou a interessar ao Liverpool.