Kaká custou ao Real Madrid a cifra de 65 milhões de euros

Kaká custou 65 milhões de euros ao Real Madrid (Foto: AFP/ODD ANDERSEN)

LANCE!
05/10/2017
10:34
Flórida (EUA)

Kaká é o último vencedor da Bola de Ouro (em 2007) que não a dupla de lendas Messi e Cristiano Ronaldo. Após muito sucesso nos seis anos de Milan, o meia brasileiro esteve perto de assinar com o Manchester City e se aventurar na Premier League, o que foi rejeitado por ele. Na ocasião, em 2009, optou por assinar com o Real Madrid. 

Em entrevista à revista "Four Four Two", Kaká contou detalhes da negociação à época, afirmando que a proposta atingia à casa dos 100 milhões de libras (R$ 413 mi, na atual cotação). 

- Cheguei à conclusão de que aquela não era o momento certo para dar esse - passo. Ia trocar um dos maiores clubes europeus por um projeto incerto? O plantel do Manchester City no momento não me convenceu, achei que aquilo não ia resultar - disse o atleta, hoje aos 35 anos. 

Em 2009, os principais jogadores do Manchester City eram sul-americanos: Robinho e Tévez. O atacante revelado pelo Santos, aliás, foi contratado por 32,5 milhões de libras (R$ 134,2 mi, na atual cotação), tornando-se o primeiro contratado pelo Abu Dhabi Sports Group, investidor dos Citizens desde 2008. 

Kaká, então, seguiu para o Real Madrid e, após sofrer com muitas lesões, nunca se firmou como titular absoluto em suas quatro temporadas no Santiago Bernabéu. Depois, retornou para o Milan e, antes de chegar ao Orlando City, jogou por empréstimo no São Paulo. Está em sua terceira temporada nos EUA.