Djilobodji - Werder Bremen (Foto: Reprodução)

Djilobodji vai desfalcar o Werder Bremen (Foto: Reprodução)

LANCE!
23/03/2016
12:38
Bremen (ALE)

O zagueiro Papy Djilobodji, que está emprestado ao Werder Bremen pelo Chelsea, foi suspenso por três jogos do Campeonato Alemão por causa de um gesto que fez em campo. Após dividir uma bola com De Blasis, do Mainz, o senegales de 27 anos passou o dedo pelo pescoço, como se estivesse ameaçando cortar a garganta do rival.

O Werder anunciou ainda que vai apelar da decisão da Federação Alemã de Futebol (DFB). Pois além de cumprir os três jogos, ele está suspenso por mais um por ter levado o quinto cartão amarelo na mesma partida. O árbitro Manuel Graefe não viu o que o senegalês fez, e toda a punição foi dada em tribunal.

- Nós entendemos que a suspensão por três jogos é injustificável. Acima de tudo, pelas circunstâncias, foi muito rígido. O caso foi bem menor que o de Deniz Kase - disse Thomas Eichin, diretor executivo do Werder Bremen.

O caso levantado por Eichin é de 2009. Deniz Naki fez o mesmo gesto que Djilobodji, porém fez isso para a torcida do Hansa Rostock, rival na partida em questão. Ele recebeu a mesma punição de três jogos.

O Werder Bremen é o 14º colocado do Campeonato Alemão, e luta contra o rebaixamento. Tem apenas 28 pontos, um a mais que Augsburg, Eintracht Frankfurt e Hoffenheim. Caso a apelação não dê em nada, Djilobodji vai perder os jogos contra Borussia Dortmund, Augsburg, Wolfsburg e Hamburgo.