Hapoel Beer Sheva x Inter de Milão

Inter sucumbiu no segundo tempo (Foto: Gil Cohen-Magen / AFP)

LANCE!
24/11/2016
17:55
Be'er Sheva (ISR)

A Inter de Milão protagonizou mais um vexame na temporada. Após abrir dois gols de vantagem com um bom primeiro tempo, a equipe se perdeu na volta do intervalo e acabou levando a virada do Hapoel Beer Sheva por 3 a 2, na casa do adversário. O resultado eliminou os Nerazzurri da Liga Europa e embolou o Grupo K. Novamente, o brasileiro Gabigol não foi nem relacionado para a partida. No outro jogo da chave, o Sparta Praga bateu o Southampton por 1 a 0 e garantiu por antecipação a primeira colocação.

O Sparta Praga é o líder do Grupo K, com 12 pontos, seguido pelo Southampton e Hapoel, que têm sete. Na lanterna e já eliminada está a Inter, com três. 

Na última rodada, Southampton e Hapoel se enfrentam na Inglaterra para definir o último classificado do Grupo K à próxima fase. Já a Inter cumpre tabela no Giuseppe Meazza contra o Sparta Praga.

Fora de casa, a Inter de Milão aproveitou as poucas chances de gol que apareceram no primeiro tempo para abrir logo 2 a 0. Em boa jogada pela esquerda, Éder cruzou na medida para Icardi marcar. O segundo veio com Brozovic, em chute de fora da área.

Nwakaeme e D'Ambrosio - Hapoel Beer Sheva x Inter de Milão
Nwakaeme fez de pênalti (Foto: Gil Cohen-Magen / AFP)

Na segunda etapa, a Inter começou em cima e acertou a trave em chute forte de Icardi. Mas parou por aí. O Hapoel foi para cima e diminuiu com o brasileiro Lúcio Maranhão. O atacante não demorou muito para assustar novamente o goleiro Handanovic.

A Inter estava entregue. Sem nada a ver com isso, o Hapoel Beer Sheva foi para o ataque e chegou ao empate com Nwakaeme, de pênalti. No lance, Handanovic levou o segundo amarelo e foi expulso, deixando os italianos com um a menos. Nos acréscimos, os Nerazzurri foram castigados com um péssimo segundo tempo e levaram a virada, após gol de Sahar.

Já o Sparta Praga fez o seu dever de casa e garantiu classificação antecipada para a próxima fase da Liga Europa. A equipe venceu o Southampton, na República Tcheca, por 1 a 0. O gol foi marcado por Nhamoinesu Costa.

SCHALKE SEGUE 100%

O Schalke segue impossível na Liga Europa. Já classificado, a equipe alemã venceu o Nice por 2 a 0, gols de Konoplyanka e Aogo, e mantém os 100% de aproveitamento na competição. De quebra, eliminou o time francês, que não contou com Balotelli No outro jogo da chave, o Krasnodar empatou com o Salzburg em 1 a 1.

Aogo - Schalke x Nice
Aogo fez o segundo do Schalke (Foto: Patrik Stollarz / AFP)

Agora, o Schalke tem 15 pontos, isolado na liderança do Grupo I. O Krasnodar tem sete na segunda colocação, seguido pelo Salzburg, com quatro. Nice, com três, é o lanterna.

FIORENTINA PERDE EM CASA

Com gol nos acréscimos, o Paok surpreendeu e bateu a Fiorentina, em Florença, por 3 a 2. Os gols da vitória do time grego foram marcados por Skakhov, Djalma Campos e Garry Rodrigues, com Bernasdeschi e Babacar descontando. No outro jogo da chave, o Liberec fez 3 a 0 no Qarabag.

Fiorentina x Paok
Jogadores do Paok comemoram (Foto: Andreas Solaro / AFP)

Apesar da derrota, a Fiorentina segue na liderança do Grupo J, com dez pontos. Qarabag e Paok têm sete, enquanto o Liberec tem apenas quatro, na lanterna.

GRUPO L SEGUE EMBOLADO


O Grupo L segue sem nenhum time classificado para a próxima fase da Liga Europa. Nesta quinta-feira, o Villarreal vencia até os 42 minutos do segundo tempo, quando Rodríguez empatou para o FC Zurich em 1 a 1. Bruno havia aberto o placar para o Submarino Amarelo no primeiro tempo. No outro jogo da chave, o Steaua Bucaresti fez 2 a 1 no Osmanlispor.

Apesar da derrota, o Osmanlispor segue na liderança do grupo, com sete pontos. Com seis vêm Villarreal, Steaua e FC Zurich.