Jorge Sampaoli, técnico do Chile (Foto: Ramon Bitencourt/LANCE!Press)

Jorge Sampaoli foi campeão da Copa América com o Chile (Foto: Ramon Bitencourt/LANCE!Press)

El Gráfico Chile
30/11/2015
17:00
Santiago (CHI)

O chileno Jorge Sampaoli não escondeu a felicidade com a indicação para ser um dos finalistas da categoria de Melhor Técnico no prêmio Bola de Ouro. O treinador afirmou estar lisonjeado por concorrer com grandes profissionais:

- Estou orgulhoso. Do tempo que transcorreu desde que iniciamos o ciclo na seleção do Chile, a eleição é um bom sinal de que foi interpretado nosso modo de sentir e jogar. É muito bom compartilhar uma disputa com técnicos como Luis Enrique e Guardiola.

O treinador de La Roja agradeceu às pessoas que o acompanharam nesta caminhada até a indicação:

- Agradeço ao povo chileno, aos jogadores e à comissão técnica que me acompanhou, e tornou possível passar uma ideia coletiva no campo de jogo.


Jorge Sampaoli destacou a importância do Chile, que ajudou a conduzir ao título da Copa América, em sua trajetória como treinador:

- O Chile foi a federação que apostou em nossa comissão técnica, e nos deu a possibilidade de sermos respeitados por todo o mundo. O prêmio não é só para mim, mas também para os jogadores, a comissão técnica e os dirigentes que apostaram nesta ideia. Pudemos representar uma forma de jogar para uma equipe que é exaltada no mundo inteiro.

"Chile fue la federación que apostó por nosotros como cuerpo técnico y nos dio las posibilidades de ser respetado por todo el mundo. Este premio no sólo es para mí, sino que para jugadores, cuerpo técnico e inclusive a dirigentes que apostaron a esta idea. Pudimos representar un modo de jugar para un equipo que es valorado por el mundo entero", concluyó el trasandino.