Guardiola - Bayern de Munique

(Foto: Gerard Julien / AFP)

LANCE!
06/05/2016
15:10
Munique (ALE)

O técnico Pep Guardiola teve mais um problema com o departamento médico do Bayern de Munique. De acordo com o jornal "Bild", o comandante teria apontado os inúmeros problemas de lesão de seus jogadores como uma das justificativas para a eliminação da Liga dos Campeões na terça-feira, para o Atlético de Madrid. A situação parece ter saído do controle e uma discussão fervorosa teria acontecido no vestiário da Allianz Arena, mas o francês Ribéry teria controlado os ânimos dos envolvidos.

Guardiola teria citado a lesão de Godín, do Atlético de Madrid. O uruguaio se recuperou rapidamente de problema muscular e enfrentou os bávaros no jogo de volta das semifinais. Em entrevista coletiva, o treinador ficou irritado com o vazamento de informações. Para ele, o fato é prejudicial para a equipe e, mesmo assumindo o Manchester City na próxima temporada, a pessoa seguirá no clube.

- Eu tive essa situação por três anos. Eu aceitei isso. Eu preciso falar com os jogadores. No clube, informação é vazada para jornalistas. Não é um problema para mim. Eu estou acostumado com isso agora. Eu não estarei aqui na próxima temporada, mas essa pessoa pode ainda estar por perto. Isso é um problema para o time.

Griezmann e Alaba - Bayern de Munique x Atletico de Madrid
Bayern foi eliminado pelo Atlético (Foto: Lukas Barth / AFP)

O treinador ainda ressaltou que conversas com esta são comuns no vestiário.

- O que acontece no vestiário fica no vestiário. As pessoas que falaram tentaram me atingir. Isso ocorreu muitas vezes nos últimos três anos. Eu falo com os jogadores e outros departamentos do clube. Eu dou minha opinião. Essas pessoas querem me machucar, mas eles não perceberam que atingem o clube, atingem o time.

Não é a primeira vez que Guardiola tem problemas com o departamento médico do Bayern de Munique. O médico Hans-Wilhelm Müller-Wohlfahrt deixou o clube após atritos com o treinador. Ele trabalhava no time bávaro havia quase 40 anos.