Felipão em coletiva (Foto: Divulgação)

Felipão em coletiva (Foto: Divulgação)

RADAR/LANCEPRESS!
06/11/2015
21:14
Dubai (EAU)

A cidade de Dubai, nos Emirados Árabes, será o palco, neste sábado, do primeiro jogo da decisão da Champions League da Ásia, entre Guangzhou Evergrande, do técnico Luiz Felipe Scolari, e Al Ahli, do treinador romeno Cosmin Olaroiu. As duas equipes vêm confiantes para a decisão. Enquanto o time chinês conquistou o título nacional no último final de semana, a equipe árabe também venceu o seu jogo e briga pelas primeiras colocações na competição local. O Guangzhou Evergrande, que venceu a Liga Asiática em 2013, busca o seu bicampeonato, agora sob o comando de Scolari.

'Estamos bem preparados. Este meu grupo de jogadores é muito forte e já suportamos outras pressões"

- Na minha carreira eu ganhei uma Copa do Mundo, campeonatos sul-americanos e disputei campeonatos europeus. Agora seria uma honra adicionar o campeonato asiático - disse o treinador em entrevista coletiva. Em quatro jogos na competição, Scolari conquistou duas vitórias e dois empates.

O Al Ahli chega a final da Liga Asiática pela primeira vez. Anteriormente, o clube árabe jamais havia passado pela fase de grupos. Para Scolari, esse histórico não reflete o atual momento da equipe adversária.

- Acredito que as duas equipes se equivalem e tem características próprias. As duas equipes chegaram em boas condições de ganhar. Sabemos das qualidades do adversário e o respeitamos, mas vamos jogar como sempre fizemos nesta competição - afirmou Scolari que espera pressão do adversário neste primeiro jogo.


- Claro que eles vão querer buscar o resultado jogando em casa. Mas estamos bem preparados. Este meu grupo de jogadores é muito forte e já suportamos outras pressões - afirmou Scolari, que está invicto no Guangzhou desde que assumiu o time em junho.

Em 22 jogos desde que assumiu o clube chinês em junho deste ano, Scolari conquistou 13 vitórias e 8 empates. Tem aproveitamento de 71% dirigindo o Guangzhou Evergrande.